sábado, 3 de dezembro de 2016

De Volta ao Controle de Gastos

(antes de mais nada gostaria de saber se mais alguém não gostou do novo layout do blogger e se existe a possibilidade de retornar ao anterior onde era possível ver numa única página os comentários pendentes de visualização e as visualizações do dia (únicos parâmetros que me interessam))

2017 está batendo na porta e resolvi fazer algo que a algum tempo não fazia: um orçamento e controle de gastos. Fazem pelo menos 2 anos que parei de fazer orçamentos e controle de gastos e foquei no ganho de dinheiro achando que isso era o certo a ser feito e que fazer orçamentos só me fazia perder tempo, tempo esse que seria melhor investido caso ganhasse dinheiro. Bullshit! Pra resumir a conversa: nos últimos 2 anos sem fazer controles acabei socando um monte de dinheiro no orifício anal porque não se controla aquilo que não se conhece, a partir da hora que deixei de acompanhar meus gastos pessoais de perto comecei a perder dinheiro. Fato! Esse "tempo desperdiçado em controlar despesas" com certeza não foi utilizado pra ganhar dinheiro, ou seja, perdi dinheiro e tempo. Não vou entrar em detalhes como e onde perdi dinheiro porque também não estou a fim de chorar sobre o leite derramado, mas posso adiantar que isso aconteceu nas pequenas despesas, nos gastos desnecessários de combustível, nos cafés do Starbucks, nas revistas de aviação, nas compras exageradas de mercado, etc.

Desde que me conheço por gente tenho por costume de fazer controle de gastos e orçamentos. Não faço a menor ideia de como aprendi isso porque meu pai controla gastos da seguinte maneira: tem dinheiro, gasta; não tem dinheiro gasta do mesmo jeito porque o cartão de crédito tem limite. Quando criança juntava os caraminguá que ganhava de "mesada" e dos trampos que fazia, provisionava pra alguma compra que tinha vontade, etc. (observação: eu era péssimo em matemática na escola ao mesmo tempo que sabia dividir despesas grandes em provisionamentos mensais, calculava porcentagem, juros compostos, etc... é, está tudo errado no sistema de ensino). Quando comecei a trabalhar eu criei o método de envelopes (digo criei porque ninguém nunca me apresentou isso, tempos depois fiquei sabendo que outras pessoas faziam o mesmo), tinha diversos envelopes onde separava dinheiro para as despesas corriqueiras: gasolina, garagem, motel, restaurante, etc. Esse método me serviu muito bem até poucos anos atrás quando decidi concentrar minhas despesas no cartão de crédito para ao mesmo tempo simplificar e juntar milhas. Simplificar, simplificou. Fiz algumas viagens "grátis" com as milhas do cartão, além de ganhar upgrades e receber cartões com limites absurdos ou mesmo sem limite. Valeu a pena? Não tenho uma resposta.

O fato é que a facilidade de pagar com cartão faz sim você gastar mais, mesmo quem é controlado, sabe que cartão é uma ferramenta de compra e sabe o valor da fatura de cor acaba gastando um pouco mais da conta... A fatura nem sempre coincidir com o mês, ou seja, as vezes a despesa de um mês será paga só 2 meses depois faz com que se perca um pouco o controle de quanto está sendo gasto naquele determinado mês. Você sente a necessidade de segurar um pouco das despesas mas ao mesmo tempo tem uma big fatura do mês anterior. Viajar com milhas é legal mas é estressante ficar correndo atrás de melhores datas pra viajar, promoções pra dobrar milhas, etc. No fim das contas é melhor comprar uma passagem promocional e fim de papo. Não vejo vantagem no fato de postergar o pagamento de alguma coisa enquanto se ganha juros em cima ou demais operações complexas que as pessoas fazem. Não gosto de dívidas de nenhuma origem, nem boas muito menos ruins. Ou seja, cartão de crédito no momento atual da minha vida não é muito interessante.

Essa vontade de controlar melhor os gastos veio junto com a independência financeira, ok, estamos trabalhando e ganhando dinheiro mas nos comprometemos a viver somente com nossa renda passiva, ou seja, hoje a retirada das empresas vão para uma poupança que estamos fazendo para um período sabático. Todo dinheiro que gastamos é proveniente da renda passiva que obviamente não é tão grande assim, aliás digo que sou financeiramente independente porém não rico. Minha renda passiva cobre com folga nossas despesas básicas mas pra qualquer outra coisa é necessário trabalhar ou tirar dinheiro de outro lugar. Não existe milagre. Dentro desse cenário achei prudente ter um controle melhor de gastos junto com um orçamento que dê um norte.

Pra facilitar abri uma conta sem tarifas e transfiro pra lá os recursos que serão usados para nossa subsistência. Nessa conta são feitos os pagamentos de aluguel, contas de consumo, plano de saúde (tenho dúvidas se vale a pena manter essa despesa, mas é assunto pra outro dia), usamos o cartão de débito pra pagar todo o resto. O aplicativo do banco permite ter um controle dinâmico de onde o dinheiro está indo e isso é muito bom. Depois transfiro tudo pro excel e faço os cálculos. Sei de aplicativos que podem ajudar nisso mas não testei nenhum, aceito sugestões. Estamos no segundo mês dessa estratégia e está se demonstrando bem interessante e fácil de manter mas acredito que o fator fundamental é nossa vontade de fazer esse controle mais rigoroso.

Não estou focando em orçamento porque realmente não sei como será 2017, muita coisa estar por vir... Saber onde o nosso dinheiro vai se mostra suficiente nesse momento. Uma coisa que pretendo voltar a fazer em 2017 é controle dos investimentos como era feito no começo do blog, através da planilha do AdP, tudo certinho (os valores continuarão sem ser divulgados). Hoje tenho tudo na cabeça o que obviamente não é maneira mais eficaz de controlar as coisas. Espero escrever mais sobre esses assuntos "de raiz" que nunca saem de moda ao mesmo tempo que são extremamente importantes em qualquer fase da vida.

42 comentários:

  1. Olá Corey!

    Também não gostei do novo layout do blogger. no meu caso não consigo de uma forma fácil adicionar novos blogs para leitura! Espero a resposta de alguém indicando como voltar ao layout antigo (se é que será possível)

    Sobre o controle de gastos, isso aí. Precisamos fazer, não tem como. Eu uso um método parecido com esse do envelope. na minha planilha tem um valor para cada item - tipo "lazer 200 reais" acabou o dinheiro, blz espera o próximo mês outros como "gasolina 300 reais" o dinheiro está acabando, diminuo as saídas com o carro. (porém como aloco um dinheiro a mais do que a média, essa situação acaba sendo difícil de acontecer)

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá II!

      Ficou confuso, invés do Google gastar tempo fazendo um layout otimizado pra Android eles fazem essa caca. vamos aguardar...

      Era exatamente isso que eu fazia com os envelopes, quando acabava dinheiro de um pegava de outro mas tinha que ficar dentro daquilo disponível.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  2. "Não se controla aquilo que não se conhece" = "nada que não pode ser medido não pode ser melhorado": um dos mantras da minha vida


    kkkkk

    Muito bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu anoto na minha planilha até o dinheiro que dou pro flanelinha. É fundamental.

      Valeu
      Abraço

      Excluir
    2. Você está certíssimo UB, nesse quesito não existe exagero.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  3. Corey

    Uso o aplicativo gratuito "guia bolso" há quase dois anos.
    Recomendo.

    Ele se conecta automaticamente às suas contas bancárias e cartões de crédito e separa por categoria automaticamente. Tem funcionalidade de vc poder fazer seu orçamento.

    Tenho cc no BB e poupança na CEf. Cartão Nubank e Amex. Todos sincronização com o app "guia bolso".

    Abcs

    Diegoo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, como conseguiu ver dados da sua poupança CEF via app?

      Tem que ir na agência pra eles "desbloquearem" ou fazer cadastro dessa opção mobile?

      Já tentei instalar o app da CEF e acessar a conta informando os dados corretos, mas nunca deu certo.

      Excluir
    2. No caso da CEF não precisa de nenhum passo adicional. Sua poupança tendo acesso via internet banking o guia bolso lê a poupança normalmente.

      Contate o suporte do "guia bolso" que eles te auxiliam.

      Abcs

      Diegoo

      Excluir
    3. Amigo, usei o moneywise durante 5 anos e perdi todo o histórico quando meu celular pifou... Agora estou usando o andromoney aparentemente faz backup diário. Saberia me informar se esse guia bolso faz backups automáticos? Abracos

      Excluir
  4. Aguardo ansiosamente seu Post sobre a despesa "plano de saúde".

    Abcs


    Diegoo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Despesa de plano de saúde?

      Vc não mora no Brasil né cara, pq não é possível...

      Nosso Papai-Estado nos dá o SUS, livre, gratuito e universal, sem pagarmos um centavo sequer por isso...Só financia plano de saúde quem é trouxa burguês.

      Obrigado Estado de bem-estar social nórdico-brazuca!

      MAIS ESTADO! MAIS ESTADO!

      Excluir
    2. Nem vou zoar, vai que é doença...

      Excluir
    3. Fui irônico Corey rsrs

      Excluir
  5. O que mudou no blogger? Mudou no blogger ou no layout do seu blog? Vi que sua barra lateral mudou um pouco. Foi você ou o próprio blogger?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na página inicial, quando faz login, a primeira página que aparecia tinha os comentários pra liberar, as visualizações e agora não aparecem mais, ao menos pra mim, rsrs! A barra lateral só acrescentei alguns blogs.

      Excluir
    2. Ah tá, como não estou mais usando o blogger então nem percebi.
      Abraço

      Excluir
  6. ótimo post, eu não controlo gastos pessoais, só fico olhando as faturas dos cartões, mas depois que vc gasta do que adianta olhas as faturas, né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, era nesse ponto que eu estava e estou mudando.

      Excluir
  7. Corey,

    Orçamento é importantíssimo, é a base do planejamento financeiro, sem ele a criação de planos e metas ficam muito prejudicados - a gente acaba "dando murro em ponta de faca", nunca conseguimos atingir nossos objetivos, todo mês acaba sendo uma guerra para pôr as coisas em ordem.

    Outra coisa que faço bastante, e que complementa o orçamento, é o Fluxo de Caixa. Procuro fazê-lo de maneira adaptável à realidade doméstica. Nele, ponho as datas de pagamento de contas, bem como as datas que meus ativos financeiros ficam disponíveis. Daí preparo as datas certas para pagar as contas. Isso ajuda a ter controle no uso do dinheiro, coisas como: "isso será pago no dia X", "esse daqui no dia Y" e assim por diante.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  8. Corey, vi que me incluiu na sua lista de novo. Não sei porque me retirou em outra oportunidade, achei que você não queria o seu blog "linkado" ao meu, e também o retirei da minha lista. No entanto não parei de acessar o seu blog, porque é, sem dúvida, um dos principais, tanto em tempo quanto em conteúdo.

    Você foi um dos primeiros a comentar no meu blog, há quatro anos. Fiquei muito feliz por fazer parte daqui novamente. Já o adicionei também.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Dr!

      Não sei pq não estava no meu blogroll, hoje dando uma navegada na blogosfera te achei novamente e me perguntei pq não tinha visto antes... aí fui ver que não estava no blogroll. Vai ver apaguei em uma das limpezas e nem me dei conta... sorry!

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  9. Nao gostei das mudanças no blogger Corey.

    Todo valor movimentado em minha conta eu anoto, tenho no excel as contas e valores do mes anterior, copio para o mes novo e deixo em laranja (pendente), e ao pagar pinto de verde.

    Nas linhas coloco a data, uma coluna conta corrente com valor, poupança e valor, e uma observacao da movimentacao (Exemplo: Saque 150,00 combustivel).

    Nos FIIs e investimentos eu tinha um super controle, mas a planilha corrompeu e nao fiz backup.

    Reconstrui uma mais simples e te falo: Melhorou mais, pois nao fico contando centavos dos FIIs que compro, e isto faz que voce deixe de pensar 100% em investimentos.

    Resumo: Precisa controlar, mas nao precisa controlar ate o cafezinho tomado na esquina, desde que voce saiba que este cafezinho foi pago com 50 reais que voce tirou da conta corrente.

    Ps.: Sabia decisao de nao postar valores, eu tambem parei, e as coisas melhoraram muito.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala VdC!

      Vc tem um bom controle, essa média do mês anterior ainda tenho que esperar alguns meses pra ter pq como disse me perdi mesmo nos valores.

      Quanto mais simples, melhor. Mais vc adere. Decidi que ao menos até dezembro anotarei "até o cafezinho", depois pretendo adotar algo semelhante como vc faz.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  10. Olá Corey,
    Eu faço controle de gastos. Tenho uma planinha que anoto tudo e também uma projeção para o ano todo, claro que imprevistos acontecem, mas está indo tudo bem.
    Eu compro mais no cartão de credito mesmo. Tenho um bom controle, pois não sou de ficar comprando besteira.

    Depois dá uma passadinha no meu blog.
    https://cowboyinvestidor.blogspot.com.br

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cowboy!

      A maioria dos imprevistos pode ser prevista, nada que uma reserva não resolva pra maioria dos casos.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  11. Olá corey

    Não sei se é porque eu ganho pouco mas o meu controle eu faço através de planilha em Excel e anoto todos os gastos, sem exceção. Meu velho tinha este hábito mas fazia em caderno. Só depois de muito tempo comecei a fazer a mesma coisa, porem na versão digital rs.

    Foi quando comecei a anotar e mapear o destino do meu dinheiro que as coisas começaram a entrar no eixo e nasceu o mestre dos centavos. Com o mapa dos gastos nas mãos pude atuar de forma específica nos vilões do meru orçamento. E não é nada muito sofisticado não. Basicamente se resume a entradas e saídas de capital com um montante já pré definido em cada categoria. Tem me ajudado bastante.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá MC!

      Qd comecei a pôr ordem na vida financeira eu fazia exatamente isso, mas aí relaxei e deu no que deu... Isso deve ser constante.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  12. Deixei de controlar gastos na planilha a uns meses, resolvi q tirando as despesas ja pré definidas do mes, tenho uma idéia de qny deixou livre pra gastos do cafezinho.
    Ja o cartão de crédito, a dois meses estou tentando zerar, um ja conseguir e o outro em janeiro, pretendo deixar apenas o plano do celular.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá PZ!

      Era nesse ponto que eu estava mas decidi dar um passo atrás e controlar melhor.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  13. Corey vc eh fazendeiro?
    Legal ver vc postando mais.
    O meu único controle é a fatura do cartão.
    Quando vem meio alta eu fico meio puto e páro de gastar no mês seguinte, aí balanceia.
    Também quando eu como muitas vezes fora de casa eu tento compensar comendo mais vezes em casa depois, assim faço um "preço médio" das refeições.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala FS!

      Não sou, aliás não sei nem plantar feijão no algodão. rsrs!
      Estava fazendo o controle dessa maneira que vc disse mas começou a me incomodar...

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  14. Corey você entende de contabilidade? Deixa tudo o que envolve os seus negócios para contadores cuidarem?
    Sugiro que você faça um post falando sobre as burocracias para criar e manter uma empresa. A algum tempo veio lendo sobre o tema e já várias vezes pessoas reclamando do excesso de burocracia do Brasil. Enfim...Como você se vira com isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, tenho vários posts falando sobre isso, dá uma fuçada no blog que vc achará.

      Não entendo porra nenhuma, deixo a cargo dos contadores que na grande maioria das vezes tb não sabem ao certo o que estão fazendo. Entender e desenrolar a parte tributária brasileira é mais difícil que neurocirurgia. Sim, a burocracia é enorme, não é possível estar 100% dentro da lei, sempre é necessário molhar a mão de alguém pra conseguir algo.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  15. Compras excessivas no mercado é algo que faço também, principalmente nesses supermercados melhores como Pão de Açúcar ou St Marche.

    Sempre tem alguma coisa importada do meu agrado. :)

    Abçs!

    ResponderExcluir
  16. Detestei esse novo layout. E acho que está com um bug, pois na pagina da lista de blogs, não consigo adicionar um novo, não há o botão "novo" conforme tem na ajuda do Blogger/Google.

    ResponderExcluir
  17. Corey, estou lançando um site dedicado a ranqueamentos. Se não for pedir muito poderia adicioná-lo ao seu blog roll?
    http://webinformado.com.br/
    Desde já agradeço!

    ResponderExcluir

Os comentários desse blog são moderados, ou seja, passam pelo meu controle antes de serem publicados. Esse é o motivo pelo qual seu comentário não aparecerá logo após você clicar em "Publicar", portanto não precisa postar 2 ou 3 vezes! Posso demorar, mas publicarei e responderei todos os comentários que não contenham trolagens, intrigas, propagandas e baixo nível.