quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Nem o Sucesso Financeiro nos Segura no Brasil

Hoje pela manhã Bia me chamou atenção para um texto que está rolando no Facebook. Esse texto tem 100% a ver com nossa realidade de vida, somos empreendedores de sucesso querendo sair do Brasil o mais rápido possível.

O texto, escrito por Fabio Zugman cita um trecho do programa Conta Corrente da Globo News onde um empresário do setor de Food Trucks que aparentemente está no auge do sucesso devido a explosão de popularidade dessa modalidade na cidade de São Paulo (após décadas de leis imbecis que somente permitiam a venda de Hot Dog nas ruas da cidade) diz com todas as letras que não tem a mínima pretensão de expandir a empresa e que seu sonho é vende-la e sair do Brasil. O tom de sinceridade do cidadão deixou até o entrevistador sem graça. Vejam:


O texto do Fabio é extremamente realista, o que mais me chamou atenção foi a seguinte frase: "Como disse outras vezes, não é uma questão de partido, da cor da camiseta ou aquele blá, blá, blá de esquerda ou direita. A questão é o tipo de sociedade que estamos criando e o tipo de país em que queremos viver.". O grande problema do Brasil não é a política e sua roubalheira, o problema é a sociedade brasileira, as pessoas, vivemos numa sociedade podre, de inversão de valores absurdamente grande, onde se valoriza tudo o que há de mais errado e sujo e se condena o trabalho e as ações que levam pessoas ao sucesso, sucesso esse que é visto com olhos tortos por grande parcela da sociedade.

O principal motivo que me faz querer deixar o Brasil e encarar todos os problemas inerentes a essa decisão não é financeiro, assim como o cara do vídeo, eu tenho sucesso financeiro no Brasil, poderia facilmente me incluir na classe alta, tudo seria questão de tempo porque sei como ganhar dinheiro por aqui, porém o buraco é mais em baixo. Pra ganhar dinheiro de verdade nesse país é necessário entre outras coisas passar por cima de questões éticas e de honestidade; encarar ineficiência extrema por todos os lados, sem contar dos problemas de sempre como violência, educação, infra estrutura... Enfim, fico contente por saber que mais gente além de mim quer sair do Brasil e o motivador não é financeiro. Essas pessoas, assim como eu, querem viver numa sociedade menos podre e num ambiente mais favorável a vida.

82 comentários:

  1. Corey,

    Onde pensa em viver a vida quando sair do Brasil?

    Uta!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Estagiário!

      Tô devendo um post sobre isso, mas a ideia inicial é os EUA através do visto de investidor, mas tenho planos B e C tb, rsrs!

      Abraço!

      Corey

      Excluir
    2. Hahahahahaha!
      Falaram que os EUA seria uma boa pedida, mas estava querendo ver se não compensa ir para os lados da Europa. Por mais que tenha problemas de crises lá, acredito que uma Espanha da vida não seria uma má ideia.
      Principalmente se você quiser ir para abrir uma loja e gerar empregos.

      Uta!

      Excluir
    3. Tenho parentes na Espanha, e pode ter certeza que a crise é bem menor que eles pintam na mídia. Crise lá é melhor que crescimento aqui, pode ter certeza disso! Embora eu goste do estilo de vida minimalista europeu, acredito que a Europa é muito engessada economicamente, também não boto fé no futuro do Euro. Eu iria pra lá se conseguisse cidadania, aí sim a coisa mudava de figura.

      EUA são dinâmicos, fortes economicamente e falam inglês o que facilita muito em todos os aspectos, amo aquele país.

      Abração!

      Corey

      Excluir
  2. Se quiser não precisa aprovar meu comentario , mas você pelo que li em um comentario ja morou em comunidades carentes não é ? Então sabe a merda que essa bosta de país vai ficar , para você ter uma ideia ,lembro que em uma das ruas de acesso de um famoso morro carioca tinha frases escritas desse jeito ( Foda-se a copa , copa do mundo gastos bilionarios , gastos com saude 0 , educação 0 e segurança 0 , inversão de valores ? A copa não quero não , eu quero mais saúde mais dinheiro e educação ) Pensei comigo mesmo , porra o pessoal deve estar se concientizando , o futebol é apenas um lazer , não traz nada de positivo para nossa sociedade a não ser para os que estão envolvidos nesse desporto , ser em vez de ficar se digladiando em estadios por futebol , e se fossem em busca de seus direitos teriamos um país melhor . Mas foi só começar a copa que tudo voltou ao normal , saia do país em quanto é tempo porque daqui a pouco vai ser foda . Sucessos e abraço .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá P!

      Morei e trabalhei em quebradas, sei do que vc está falando. Mesmo morando em bairro zoado eu sempre quis sair de lá, morar melhor, consumir produtos melhores, justamente o que a maioria não quer. O que tem de gente com grana morando na quebrada...não me conformo com isso.

      Sinceramente nunca me empolguei com as manifestações e campanhas anti-copa, não acredito em brasileiro acordando, isso não existe pra mim.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
    2. Concordo com você corey , eu até acreditei naquela manisfestação porque o pessoal estava tão animado que caralho coisa de outro mundo , eu realmente não fui mas , amigos meus do ensino medio foram e ouvindo a conversa deles . Foram para fazer bagunça , gritar brigar com a policia , fazer baderna , para mim o cumulo da desonestidade que aconteceu foi um amigo meu roubando produtos de lojas que eles saqueavam , é muita sacanagem porra .

      Por essa e outras um dia pretendo me mudar dessa bosta , acho que não terei problemas porque , não gosto de futebol , não gosto de nenhum estilo musical desse país ( odeio funk , pagode , axé , bossa nova , mas respeito quem gosta ) prefiro rock , não gosto da cultura brasileira e etc . Gosto da cultura america , dos filmes , da historia do país ,acho que me daria bem lá , mas nunca visitei o país .

      Sabe o que o brasil me lembra , a idade media , povo ignorante\burro , forte presença da igreja nas influencias da sociedade e etc . Só sinto pena daqueles que acreditam que o Brasil vai melhorar depois de 2019 kkk , quando o filho do meu primo nasceu na epoca da leiçoes , lembro de uma frase que ele falou , mais um eleitor do pt no mundo , ja deu pra sacar onde esse país estara daqui a alguns anos , ja vejo crianças de 7 , 8 e 9 já desejando entrar no mundo do crime , garotas de 10 anos dançando funk , é terrivel cara , sinto pena deles porque estudaram em escolas publicas de bosta , com um pessimo ensino , vão viver no meio da criminalidade , e totalmente alienados pelos pais e pela midia , assistindo esquentas da vida .

      Mas é isso ai , fazer o que .

      Excluir
    3. Chuto que 5% das pessoas naquelas manifestações queriam mesmo mudar algo, o restante ou era bandido ou era gente de bem que foi por modismo, os mesmos que tiram foto comendo paletas mexicanas e colocam no Instagram.

      Tb não gosto da cultura brasileira, a música até que gosto de alguma coisa, tivemos boas bandas de rock e um ou outro cara pedido como Tim Maia, de resto é lixo. Estar nos EUA muitas vezes é se sentir dentro de um filme, pode acreditar!

      Eu até acho que depois de 2019 pode haver alguma mudança, mas é aquela coisa, não é difícil melhorar algo muito ruim, qq sopro de ar fresco já é legal. Tenho medo de pensar como o Brasil estará em 2019.

      Acho que o mínimo que uma pessoa que tem filhos deve fazer é trabalhar pra tirar a criança da escola pública que é na verdade uma escola da putaria e bandidagem.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  3. Na facul (terminei ano passado), a maioria dos meus amigos tinham o desejo de sair do país. Seja apenas um desejo ou algo que poderá se concretizar, é uma situação triste uma nação onde as pessoas não se sentem bem onde vivem. E eu compreendo perfeitamente este sentimento, pois sou também um dos que possui o desejo de sair.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala AdP!

      Pessoas que tem um pouco de consciência ou que já visitaram outro país provavelmente terão esse desejo e se não tiverem é pq o lugar delas é aqui mesmo no Brasil.

      Não me leve a mal, sei que vc é concurseiro mas tb sei que vc é maduro o suficiente pra entender o que vou falar: um país onde a maioria das pessoas quer depender cada vez mais do estado jamais poderá crescer.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
    2. Sim, Corey. Não é só porque sou servidor público que vou ficar defendendo. E não é apenas o fato de depender do estado. Tem muito mais coisa errada na Brasil.
      Eu disse que tenho desejo de sair do país, por consequência deixando este meu cargo público para trás. Acredito que uma pessoa disposta a estudar, trabalhar, pagar seus impostos e contribuir com a sociedade possui chances de vencer lá fora, vivendo melhor do que aqui.
      Abraços

      Excluir
    3. Sabia que vc ia entender, vc é diferente AdP, vc pensa diferente que grande parte dos servidores, não? Aposto que sim!

      "Acredito que uma pessoa disposta a estudar, trabalhar, pagar seus impostos e contribuir com a sociedade possui chances de vencer lá fora, vivendo melhor do que aqui." - isso mesmo, é assim que penso, quem tem vontade de crescer, não só financeiramente mas principalmente como pessoa, ter´muito mais chance em outro país.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
    4. Não pergunte ao seu país o que ele pode fazer por você, mas o que você poder fazer pelo seu país. Uma máxima americana.

      Fácil querer fugir como uma lebre. Ficar e lutar para tornar este país algo melhor ninguém quer. Cadê a consciência social tão esperada por vocês nos brasileiros?

      Esse é o mesmo erro. Egoísmo de querer se dar melhor, melhor, melhor.

      Fique e ofereça o que pode em prol de um Brasil melhor.

      Excluir
    5. Lutar por um Brasil melhor? Pra que? Pra quem? Sério, me responda isso. Qual meu interesse em desperdiçar minha vida, que é uma só, pra tentar consertar algo que não tem conserto?

      Sou egoísta mesmo, assumo, sempre assumi. Melhor assumir meu egoísmo, que nem é um defeito tão ruim, do ser hipócrita e dizer que quero um país melhor. Eu quero uma VIDA melhor, independente de onde estiver.

      Excluir
    6. Outra coisa, qual sua sugestão de luta? Como uma pessoa, ou mil, ou 1 milhão podem fazer a diferença mudando uma sociedade podre, corrupta e sem vergonha? Sério, me responda...

      Excluir
    7. 'Não pergunte ao seu país o que ele pode fazer por você, mas o que você poder fazer pelo seu país. Uma máxima americana.'

      ERRADO. Apenas uma frase de efeito de um mentiroso profissional. Que só virou 'celebridade' pq foi morto.
      Os princípios americanos de verdade eram trabalho duro, meritocracia, capitalismo, individualismo, família e valores cristãos.Estado tem que ser o menor possível e não se meter onde não é chamado.
      Mas isso tudo está se perdendo, hoje em dia eles estão cada vez mais esquerdistas, parte da culpa é do povo sem cultura e inteligência pra ver as segundas intenções dos marxistas culturais.

      Excluir
    8. ' Ficar e lutar para tornar este país algo melhor ninguém quer.'

      Não existe 'este país', só o que existe são indivíduos. E não, ninguém tem que ficar e 'lutar' por gente vagabunda mentirosa e parasita que na primeira oportunidade vão querer te enfiar uma faca pelas costas.

      Excluir
    9. Putz, o cara quer comparar USA com Brasil?
      É isso mesmo?
      Deve estar de brincadeira.

      Excluir
    10. Kennedy foi o Lula americano, assim como Obama tb é, eles foram e são manipuladores de massa incríveis.

      Os princípios americanos ainda são pautados no trabalho duro, na ótica deles tudo está mudando e pior que a 30 anos atrás, mas qd a gente olha, lá está muito melhor que aqui. Tudo questão de ponto de vista. Se os jovens deles são inconsequentes e preguiçosos, os nossos são vagabundos e bandidos.

      "Não existe 'este país', só o que existe são indivíduos." - concordo! O brasileiro se diz solidário, mas só em horas de tragédias, durante o resto do tempo é um tentando passar a perna no outro, levar vantagem usando jeitinhos.

      É isso mesmo BBB, deve ser um cara que nunca foi nem no Paraguai e acha que tá abalando por vomitar asneiras, e o pior é que é um covarde que foge depois de plantar a discórdia.

      Excluir
  4. vc tbm nao precisa aprovar meu comentario, e com certeza vai me achar um babaca.

    eu trabalho com prestação de serviços, tenho uma renda mensal de 12k + ou - , e nao declaro nada, sonego 100%.

    nao da coragem de querer formalizar meu negocio e pagar impostos, sei que é errado mas vai contra meus principios, de pagar imposto pra esse país imundo.

    Tenho raiva do brasil, de ter nascido aqui, nesse país sacana, sou anti patriotico, pode me xingar por isso, mas to nem ai, odeio politicos de tudo que é tipo.

    Ao mesmo tempo, não sou de ficar abatido, trabalho normalmente, sem reclamar, poupo, invisto, só que tenho esse lado de sonegador, que impera em mim.

    Odeio e tenho vergonha alheia, quando estou em algum evento, como por exemplo, fui num UFC que teve em SC, e a plateia começa a cantar a frase típica do brasileiro, com muito orgulho e amor. Me recuso infinitamente a proferir tais palavras.

    Eu tenho ate raiva do ser que me tornei, pois estou cada vez mais egoísta e ganancioso:

    Eu quero a minha parte do bolo, se eu ficar com a minha parte, tudo estará bem.

    No meu ramo tem muita gente queimando você, puxando seu tapete, todos fazendo algo pra aparecer e denegrir sua imagem, então perdi esperanças de fazer amigos. tenho os amigos de infância, mas nem pretendo fazer novas amizades.

    como eu disse, chego a ter raiva do que me tornei, e só culpo a mim mesmo por isso.
    mas o meio que estou inserido me levou a pensar assim. ser desconfiado de tudo, nao confiar na bondade das pessoas, entre outras paranoias do dia-a-dia.
    foi como aprendi a sobreviver com essa selvageria.

    O brasil é um rio de sacanagem sem fim, uma queda infinita, sempre adicionando sacanagem em cima de sacanagem. Tem coisas que chega a ser cômico. Medidas que o governo toma, etc.

    aqui nos blogs, encontro pessoas parecem estar por dentro de como esse país funciona.

    Agradeço a você, e a outros aqui da blogosfera que falam o que acontece realmente.

    Brasil tem dono, e nao somos nós, a gente só se mata, enquanto o poder passa de geração para geração.

    E eu já nem fico cabreiro com copa do mundo, olimpíadas. frase típica da copa "dava para construir 30 hospitais, 50 mil casa, bla bla bla".
    E daí? Quem falou que se não houvesse copa, seriam construídos hospitais e casas? O povo é muito alienado, ficam no facebook reclamando (no horário de trabalho) e quando chegam em casa, vão ver JN e Novelas.

    Quem tiver a chance, tem que vazar desse lugar esquecido. Tem que ir pra EUA, Canadá, Europa, Chile. Eu vou escrevendo e ficando cabreiro ao mesmo tempo

    Brasil é uma grande monarquia, inclusive as grandes empresas da bolsa: abev, itub, bbdc, ciel. Grandes opções de investimento, empresas que eu tenho na minha carteira, mas sei que não são empresas honestas, como eu falei, eu só quero o meu.


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tiro sua razão, já disse outras vezes e repito que sonegação no Brasil está mais pra mecanismo de auto-defesa que pra crime. Me sinto estuprado toda vez que pago meus tributos da loja... Não coloco minha mão no fogo por mim, talvez na sua situação faria igual, mesmo sendo contra meu carácter

      Tb não fico me preocupando como o dinheiro público é investido, sei que a maioria será roubado, então foda-se o resto. Como eu já disse outra vez, quero ganhar dinheiro, ter lucro e depois qd tiver o suficiente, me mando daqui. Se explodir, que se dane, não estarei mais aqui e meus amigos e parentes que façam o mesmo.

      Tb tenho nojo disso de bater no peito pra dizer que tem orgulho de ser brasileiro, eu tenho é vergonha...

      Abraço!

      Corey

      Excluir
    2. É dentista tb ne colega?!?!rsssss
      Eu tb to na mesma situação, se eu fosse legalizar iria ter que pagar tanto imposto que teria que subir meus preços, e como os concorrentes tb sonegam a coisa vira uma bola de neve que a sonegação funciona como corey falo "um mecanismo de defesa".....se sei que estou errado? claro que sei, mas iai??vou querer mudar o mundo??o brasil??a lógica do mercado?? vou perder minha vida (que tb acredito so ser uma) para tentar mudar uma gota no oceano???
      Não, não, não, ganho o meu, não faço mal a ninguém, situações limites em que poderia ajudar não coloco minha mão pois me ferrei tentando ajudar.
      Voces não sabem o bem que me faz ler os comentários aqui e ve gente que pensa como eu e passa os mesmo "perrengues"

      Excluir
    3. Sou engenheiro e presto serviços na informalidade total.

      Também considero um mecanismo de defesa para poder competir nos preços. Mas mesmo sem dar nota fiscal, já comecei a perder alguns trabalhos para pessoas que fazem qualquer serviço por qualquer preço. (essa é a selvageria que eu me refiro, onde babacas fazem serviços por preços ridículos, não levando em consideração o tempo, custos de transporte, custos com taxas e custos indiretos, que terão pra executar o serviço, então, com o tempo, acabarão falindo).

      Mas isso já é outro assunto.

      São nesses momentos de reflexão que eu percebo que ganhar mais, não faz a menor diferença pra mim, não diminui minha angústia, tristeza e desmotivação de ter que acordar todos os dias e trabalhar nessas condições.

      Trânsito caótico, falta de segurança, preços absurdos, gasolina ridícula, nepotismo.

      A média que eu fiz pra comparar o custo de vida/poder de aquisição dos Eua e brasil foi uma relação de 5 pra 1:

      Nos Eua, quem ganha 1,000U$/mês, tem a mesma condição de vida de quem ganha R$5,000/mês no brasil.

      E para quantias maiores é a mesma regra.

      Se você ganha 5,000,000U$ por ano, morando nos Eua, é o equivalente a ganhar R$25,000,000 aqui no brasil.

      Excluir
  5. todo mundo fala que quer ir e ninguém vai.
    os que vão morrem de saudade.
    rico aqui vai ser pobre lá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdades! A maioria só fala e não faz nada pra isso, estou agindo pra isso. Os que vão morrem de saudade sim, da família, dos amigos, do maracujá e da coxinha, com certeza terei saudade disso tb.
      Rico aqui vai ser pobre lá, a diferença é que pobre lá tem carro bom, casa boa, segurança, menos burocracia...

      Excluir
  6. Corey,

    Vc podia fazer um post falando sobre formas de ir pros EUA pra morar. Tem como ir legalmente pra trabalhar sem muito dinheiro e sem que alguma empresa te chame?
    Abraço!

    Lobão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lobão!

      Esse assunto tá muito explorado na internet, tem muito site bom e detalhado, além disso já tenho uma estratégia, então não faz sentido perder tempo pra estudar coisas que não vão me ser úteis, lamento.

      Sobre sua pergunta a resposta é não.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
    2. Corey sua estratégia de emigrar para os EUA é através do visto L1?

      Excluir
  7. Estes dias conversando com minha esposa chegamos a seguinte situação:

    - Temos que tomar cuidado onde abastecemos o carro porque muitos postos tem gasolina ou bomba adulterada

    - Temos que tomar cuidado com o leite que tomamos (agora só tomo leite em pó) porque o leite pode estar adulterado com, imagine, soda cáustica!

    - Temos que comprar água mineral em galão porque a água da Sabesp, quando tem, está com gosto horrível. Aliás, quando for comprar água em galão de 20L, escolha de marca e de um depósito de confiança (?) pois eles estão enchendo com água da torneira ou de poços artesianos e não da fonte original

    Estes são apenas alguns poucos exemplos, mas um país onde estas coisas acontecem à luz do dia não tem muito futuro.

    Se fraudam água, leite e gasolina, imagina o resto ...

    A situação está deprimente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá EI!

      Eu não tinha parado pra pensar por esse aspecto, vcs estão absolutamente certos, em todo lugar que vamos precisamos ter o pé atrás e a grande merda é que nos acostumamos com isso, vemos isso como uma coisa normal. Não, não pode ser normal caçar posto de gasolina que não adultera o combustível. Eu mesmo faço isso!!! Triste, muito triste!!

      Abraço!

      Corey

      Excluir
    2. EI,

      E a situação vai piorar ainda mais, principalmente depois desse circo chamado Olimpíadas. Felizmente esse será o último mandato do PT, pois nem Lula e nem João Santana vão conseguir ganhar a eleição em 2018 com tudo de ruim que está acontecendo e que vai acontecer.

      Acredito que teremos tempos melhores após 2019, afinal, depois da tempestade sempre vem a bonança. Mas, ainda assim, o Brasil desanima-me em muitas coisas. E a principal delas sem dúvida é a impunidade, que é o maior câncer do país.

      Abraços.

      Excluir
    3. Um amigo que diz que na Itália tem um ditado que diz que temos que dormir com "un occhio aperto e il culo chiuso"

      Mas não é só na Itália, aqui todo dia tem alguém querendo nos f*der, não dorme com o olho aberto pra você ver, rs

      Abraços

      Excluir
    4. IL:

      Faz sentido o que vc disse, mas se tudo der certo em 2019 não estarei mais aqui...

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  8. Corey,

    Às vezes eu pergunto-me se um dia o Brasil vai ter jeito. Ok, moramos em um país de terceiro mundo, mas ainda assim é aonde nascemos e crescemos. Não conheço ainda o mundo desenvolvido, contudo, é fácil largar tudo para trás e começar uma nova vida em outro país?

    O que você pode dizer sobre isso?

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá IL!

      Claro que não é fácil! Muito pelo contrário, é difícil pra kct, põe difícil nisso! São tantos fatores envolvidos... Desculpa a franqueza e espero que vc não me leve a mal, mas querer as coisas de maneira fácil é típico de brasileiro e é um dos motivos que estamos mergulhados na corrupção.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
    2. IL, fácil não é, assim como não é fácil aqui, mas em geral, estamos tão acostumados com a situação caótica aqui que os brasileiros em geral se dão bem em outros países.

      Vai do perfil de cada um.

      Eu conheço bem outros países e a cultura. Só para os EUA eu já fui umas 20 vezes nos últimos 5 anos. Trabalho com americanos diariamente em uma empresa americana.

      Não é por nada, mas não dá pra comparar

      Excluir
    3. Como diria meu pai nos anos 80: "quem dirige Fusca dirige Opala de olho fechado"... Brasileirada que tem cabeça de trabalhador e gosta de fazer as coisas certas se dão muito bem lá fora, quem volta normalmente teve algum problema com a questão migratória. Se nêgo consegue se dar bem aqui (Fusca), lá fora (Opala) será ainda mais fácil...

      Excluir
    4. Corey e EI,

      Mas o ponto que eu quero chegar é o seguinte. Vale a pena passar por todas essas dificuldades para um dia viver em um país de primeiro mundo como Austrália, Canadá, EUA ou na Europa?

      A diferença desses locais com o Brasil é simplesmente abissal, em tudo que podemos imaginar?

      Abraços.

      Excluir
    5. EI, essa é uma pergunta pessoal. Pra mim, hoje, se houvesse uma maneira de me manter legal nos EUA e eu só tivesse como opção trabalhar em fast-food, entregador de pizza ou pintor de parede eu iria sem olhar pra trás. Pra mim o maior problema é a questão migratória (visto, permanência legal). A diferença é sim abissal de tal maneira que largaria tudo aqui nesse exato momento.

      Excluir
  9. Corey e qual sua estratégia no exterior? Vai virar empresário lá ou investidor? ou quem sabe encontrar um emprego? Tem alguma possibilidade que lhe parece mais clara?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Plano A é o visto L1 que é uma transferência de executivo, na prática vou ter uma empresa lá filial de outra, brasileira.

      Excluir
    2. Muito bom Corey, quando puder peço que escreva no blog suas experiências rumo a esse objetivo. Compartilho da mesma ideia que você (de emigrar para os EUA) e o visa L1 é uma excelente alternativa, porém ainda não sou empreendedor.

      Excluir
    3. Com certeza postarei o dia-a-dia. Estou formatando minhas lojas de maneira a se adequar ao L1, tudo é questão de planejar e agir.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  10. Olá corey

    Acompanho seu blog a algum tempo gostaria de dizer que compartilho do seu modo de pensar também. Eu também penso constantemente em sair do Brasil e ir morar em outro país tipo EUA ou Austrália. Porem, a coisa é complicada pra mim, apesar de ser o meu primeiro comentário no seu blog eu gostaria de fazer um desabafo já que eu o acho uma pessoa muito sensata e centrada.
    Eu nasci e moro no interior, sempre vivi aqui e nunca, nunca mesmo saí fora do meu estado, isso que já estou na casa dos 30 anos de idade. Apesar de não conhecer nem mesmo outro estado brasileiro ou pior ainda, outro país, sempre fiquei fascinado com o que via na tv ou pela internet. Apesar de não ter experimentado a cultura de outros lugares sempre tive vontade e curiosidade de conhecer a sensação de estar em um lugar totalmente diferente do costumeiro.
    Acredito que umas das minhas limitações começa pelo meu trabalho atual onde não chego a ganhar nem 2k, e ainda a minha falta de visão e perspectiva pois não sei se posso culpar isso mas penso eu que minha educação foi muito fraca pois sempre estudei em escola pública e é sabido que o ensino é uma porcaria. Hoje sinto os reflexos desta falta de "educação" pois muita coisa que eu precisava saber naquele determinado momento só fui descobrindo muito tempo depois, e ainda assim sempre percebo que ainda não sei de muita coisa. Agora mesmo escrevendo este texto sinto até a minha limitação para expor o que eu penso.
    Enfim, não sei se pra mim ainda dá tempo de buscar algo melhor em outro lugar, me sinto preso aqui neste lugar, eu olho a minha volta e percebo que a minha vida está indo embora e não cheguei a conhecer nem 1% do que o mundo tem a me oferecer. Estou preso devido a questão financeira e mental, financeira por não ter o dinheiro necessário para ir para outro lugar, e mental por não saber nem por onde começar.
    Criei um blog recentemente inspirado inclusive no teu, não sei aonde vou chegar com ele, acho que a idéia é desabafar um pouco, aprender com os colegas e encontrar a esperança que pra mim a muito tempo foi perdida.
    Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maluco, preste atenção: eu em 1997 tinha orgasmos quando ganhava 9 ou 10.000,00 reais num mês. Hoje ganho em média de 70 a 80 mil (tem mês que bato os 100.000,00). Não sou filho de pai rico, não sou traficante, não sou político, não sou laranja. Alcancei o que tenho com meu trabalho e investindo sempre em mim. Se você não acredita em você, esqueça.
      "O corpo vai onde a mente vai", já dizia Arnold Schwarzeneger. Isso serve para sua VIDA. Trace metas, invista, trabalhe, sonhe, estude e alcance, se preocupe de verdade com o que você oferece ao seu semelhante. Os frutos vem. A diferenca está em sua atitude. Boa sorte e tamo junto!!!

      Excluir
    2. Olá Heavy Metal, Primeiramente obrigado pela dica, Segundo, também curto um metal assim como você rss. Já visitei o seu blog e fiquei pasmo com as suas demosntrações financeiras, os seus rendimentos e seu conhecimento de mercado também. Realmente falta mais atitude em mim, falta coragem e principalmente um objetivo. Pessoas como você e o corey me expiram e vendo isso que você escreveu me deu uma animada boa. Valeu Brow

      Excluir
    3. Cara, você escreve muito bem
      Na verdade muito melhor que a maioria dos graduados que eu conheço! Não deixe essa falsa sensação de limitação impor limites a você. Identifique uma área que você tem vontade de trabalhar e invista nela!

      Você sabe ler e escrever num país que quase ninguém sabe fazer isso!
      Arrume dois empregos, faça bicos nos finais de semana, abra uma empresa de fundo de quintal e adquira experiência
      Faça um curso de solda, se você não beber no domingo e for trabalhar sóbrio na segunda-feira tem chances enormes de ganhar bem!

      Esse valor de 2k é bem fácil de ultrapassar.. não desista!

      Não reclame da sua vida até então, olhe para trás apenas para se basear para o futuro! Reclamar da vida, e dizer que não teve oportundiade é coisa de comunista! Vá lá e seja um capitalista de verdade!

      Excluir
    4. 10 mil em 1997 valia o mesmo que 100 mil hoje. kk
      Brincadeiras a parte, vc tá atuando em qual segmento hoje, HM? sao poquissimas as opções hoje pra ter uma renda acima da média como a sua.

      Julinho da Madalena

      Excluir
    5. Mestre dos Centavos:

      Desculpe, mas esse discurso cheio de vitimismo não vai te levar a lugar algum. Foda-se que vc hj ganha 2k, ao invés de pensar nisso, pense em maneiras de ganhar mais. Se sua região é uma bosta, de um jeito de sair dela e buscar algo melhor. Desculpe a grosseria, mas é isso que penso: ficar se vitimando e reclamando de nada adianta. Vc tem acesso a internet, então 50% dos seus problemas estão resolvidos, aprenda coisas úteis, coloque-as em prática e faça dinheiro. Como o anônimo disse, se vc sabe ler e escrever, já é meio caminho andado para o sucesso. Vai pra cima!

      HM:

      Cara, seus números são inspiradores! Fico puto que a maioria das pessoas que ler isso vão acha-lo um babaca, arrogante e metido, mas no fundo irão te invejar mas jamais moverão uma palha pra conseguir o que vc tem. Eu admiro pessoas que ganham muito dinheiro, me inspiro nelas! Seu conselho para o Centavos é perfeito.

      Julinho da Madalena:

      Conseguir esses números é mais fácil do que vc imagina, como empregado será difícil, mas como empreendedor é bem possível. Não sei no que o HM trabalha, mas se for empreendedor acredito que faça essa grana com certa facilidade. Leve em conta que provavelmente ele é mais velho que a maioria que frequenta aqui. Tudo é questão de trabalho.

      Abraço a todos!

      Corey

      Excluir
    6. Fala Corey,

      Eu sou empregado, e realmente é quase que impossível pensar nesses valores dentro de uma hierarquia. 100 mil hoje é diretor de multinacional, e isso 1 em 500 mil vão se tornar. e para se tornar diretor por exemplo voce não depende exclusivamente de voce, etc. em contraposição ao que vce falou.

      Tentei um negócio paralelo com leilão de carros e me ferrei de verde amarelo. vou abrir um blog para contar minha experiência, mas em resumo, tomei ferro (estou tomando) de mecânicos picaretas; tomei ferro num carro que peguei pois estava com chassi adulterado e foi apreendido na hora que fui fazer a transferência, tô até hoje agarrado com essa grana. enfim, agora estou com meus trocados na renda fixa para arrumar a casa novamente. ganhei um pouco de grana em alguns carros que comprei, estava atuando no segmento de utilitários.. mas.. estou um pouco assustado com o empreendedorismo.

      se puder dar algumas dicas. estou com 150 mil aplicados na RF.

      Julinho da Madalena.

      Excluir
  11. Corey,

    Direto do site da embaixada americana:

    2.5. Investidores (I5): visto para pessoas que criem empregos para pelo menos dez cidadãos americanos que não sejam seus parentes, ao investir capital em uma nova empresa comercial nos EUA. O capital mínimo exigido é entre US$ 500 mil e US$ 1 milhão, dependendo da taxa de emprego na área geográfica. Um investidor precisa dar entrada em um Formulário I-526 no escritório mais próximo do USCIS nos EUA.

    2.6. Criação de empregos de forma geral (C5): visto para pessoas investindo pelo menos US$1 milhão para abrir um nova empresa que empregará pelo menos dez cidadãos americanos ou LPRs. Tal investimento poderá ser feito em qualquer lugar dos EUA fora de uma área alvo.

    2.7. Criação de empregos em áreas alvo (T5): visto para pessoas investindo pelo menos US$ 500 mil para abrir uma nova empresa que empregará ao menos dez cidadãos americanos ou LPRs em uma área alvo para criação de empregos. Áreas alvo para criação de empregos são definidas como áreas rurais ou áreas com altas taxas de desemprego (pelo menos 150% da taxa média nacional). Estatísticas do Censo e do Departamento do Trabalho dos EUA são usadas para determinar se um local particular se enquadra na definição de área alvo para criação de empregos.

    Eu penso em dar entrada com um destes se for o caso, meus filhos terão direito a escola sem dificuldades e eu a ter minha empresa. Já pensou nesses vistos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HM, o EB5 é uma excelente alternativa pra quem tem a grana suficiente pra investir nisso, eu até pensei em seguir esse caminho, mas não tenho cacife. Se e conseguir expandir meus negócios segundo meus planos pode ser que esses valores se tornem reais pra mim. Veja que quero deixar o Brasil dentro de poucos anos, então dependo tb de sorte pra levantar tal montante, sem esquecer que esse investimento praticamente não tem retorno financeiro algum (qd realizado nos centros de investimento cujo valor costuma ser os 500k), então é necessário obter um outro meio de subsistência. O L1 que é o meu plano me dá o GC em pouco mais de tempo (2 ou 3 anos), vai me dar trabalho pq terei q adm empresas no Br e nos EUA, mas já iniciarei ganhando e com investimento menor.

      Se eu fosse vc não pensava duas vezes, dê esse presente aos seus filhos, aliás o conselho que dou aos meus amigos "grávidos" é que viagem pouco antes do parto e deixem seus filhos nascerem nos EUA, assim automaticamente serão cidadães americanos, se eles vão usar esse benefício depois pouco importa, mas é um excelente presente.

      Abração!

      Corey

      Excluir
  12. Corey: você está malhando o Brasil, mas está no mesmo "mi mi mi" do empresariado brasileito. Reclama de tudo (da corrupção, do dinheiro, do imposto), mas não larga o lucro que obtém aqui. Quando você for pagar o IR nos States (+de 30%) e os impostos sobre propriedade (sem ter praticamente nada em troca - pois saúde pública lá não existe, escola pública é um pouco melhor do que aqui, mas é ruim também) vai sentir saudades.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque vai sentir saudades? Lá você anda na rua tranquilo. Aqui você anda no Rio de Janeiro, tem que medir as ruas por onde pode andar, tem medo de estar sendo seguido. Não para no transito para não ser assaltado. Isso é vida? Mil vezes morar num lugar ganhando metade mas não viver com medo. Só que lá a qualidade de vida é melhor. A polícia quando pode mata, não tem medo de direitos humanos como aqui. Você pode falar o que pensa, sem medo de ser tachado de racista, homofóbico, ou não sei lá o que que vão inventar etc. some a isto as inúmeras outras vantagens que precisaria um livro para escrever.

      Excluir
    2. Tenta a Nova Zeelandia Corey. É a melhor qualidade de vida do mundo atualmente, superando os EUA em várias coisas, um país mais liberal, mais capitalista, e não está tão exposta a imigração de estrangeiros devido a ser isolado, portanto não tem as mazelas que os EUA acumularam neste último século.

      Excluir
    3. IV: não discuto que, no geral, lá tem mais segurança do que aqui.
      Mas está longe, muito longe, de ser a maravilha que os deslumbrados brasileiros pensam. Você andaria em Miami dowtown tarde da noite tranquilo? Los Angeles, a pé? San franciso, downtown? Eu posso lhe garantir que não!

      Excluir
    4. Ele pode morar lá, e se quiser fazer um tratamento médico mais caro, comprar uma passagem para o Brasil e fazer aqui
      Fora que se ele tiver ganhando em dolar, até no sirio libanês ele faz o tratamento

      Deixa de ter mente pequena
      99% do tempo não precisamos da saúde "grátis" do governo

      Excluir
    5. Anônimo:

      "Quando você for pagar o IR nos States (+de 30%) e os impostos sobre propriedade (sem ter praticamente nada em troca - pois saúde pública lá não existe, escola pública é um pouco melhor do que aqui, mas é ruim também) vai sentir saudades." - é sério que vc escreveu isso? Vc tem noção do que vc escreveu? Prefiro acreditar que é uma piada ou trolagem pq não é possível que vc pense assim. Como vc diz que os EUA não dão nada em troca do imposto? Então como é pagoa infra estrutura fodasticamente a frente da nossa, segurança, educação fundamental top? Saúde? Vc paga caro mas tem uma atendimento muito, muito bom.

      IV:

      Seus exemplos são excelentes pra ilustrar o que estou tentando dizer.

      Quanto a NZ, Austrália e Canadá, são ótimo países pra se imigrar qd vc tem qualificação pra isso. EU fiz uma uniesquina da vida, tenho inglês intermediário e nenhuma prática na profissão, ou seja, não consigo me qualificar pra esses países. Por outro lado os EUA são mais abertos ao empreendedorismo que é minha praia.

      "Você andaria em Miami dowtown tarde da noite tranquilo? Los Angeles, a pé? San franciso, downtown?" - Miami sim, as outras não, mas de qq forma essas cidades são muito mais seguras que SP, por exemplo. Ninguém está dizendo que os EUA são o paraíso da segurança, mas que no geral é muito mais seguro lá do que aqui, isso é.

      Esse lance de fazer tratamento médico aqui pq é mais barato é possível, mas a partir da hora que se ganha em dolar, não faz sentido deixar de pagar por um atendimento top lá pra viajar, perder tempo só pra se tratar aqui pq é mais barato...


      Abraço!

      Corey

      Excluir
  13. :))) Vocês viram a cara de merda que o entrevistador fez? Era ao vivo ! A reação foi terminar a entrevista com um "obrigado pela entrevista" ! Porque não continuou entrevistando, afinal todos estavamos curiosos para saber os detalhes da história. Pelo menos uma reação de homem do repórter de enfrentar um possível desagrado dos superiores. Ao primeiro sinal eles covardemente encerram a entrevista e fogem da raia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mostra o nível dos nossos jornalistas.
      O baixinho se acha a bolacha recheada e quando surge uma resposta que ele não previa, se borra todo e corta a entrevista.
      O cara perdeu uma chande de ouro de conhecer o outro lado da moeda dos empresários brasileiros.
      São poucos os que dão a cara a tapa para falar uma verdades.
      Foi uma pena mesmo, gostaria muito de ouvir o que ele tinha a dizer.

      Excluir
  14. Corey, lembrei de você na hora que vi esse vídeo dia desses. No Brasil empresário é visto como o diabo. A escola e a faculdade ensina a molecada que o capitalismo é uma desgraça. É muito bom ver um empresário dando uma entrevista dessa na TV pra escancarar a realidade de quem vive aqui e tenta produzir alguma coisa. Tá demais esse país mesmo.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Nerd!

      A pena é que não teve continuidade, precisávamos que alguma mídia maluca continuasse essa entrevista com o empresário pra ver até onde ele iria chegar...

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  15. Grande Corey!

    Mais um texto sensacional escrevendo tudo aquilo que as pessoas de bem sentem nesse país...
    Não sou de falar de política e nem de reclamar do país, só que concordo já está em um nível que não temos o que fazer, o roubo está tão escandalizado que não tem mais sentido ficarmos falando disso porque TODO MUNDO está envolvido em alguma falcatrua nesse país, não tem uma pessoa aqui que não atuou de alguma forma desonesta e o famoso jeitinho brasileiro extremamente irritante de levar vantagem em tudo. Fora o bizarro problema da sociedade brasileira de meter o pau no Governo e depois reclamar que o Governo não dá nada para eles de graça... Insano essa relação de ódio do Governo e ao mesmo tempo dependência total.
    Faz apenas alguns meses que tive amigos sequestrados, assaltados e estuprados, cara o pior é que tem pessoas que não se espantam com isso mais! Vai fazer o que? Avisar na polícia mais uma estatística, eles não tem nem viatura funcionando, combustível o Governo está regulando e quem tá na rua fazendo policiamento nem tem mais vontade de pegar bandido porque eles são soltos em alguns dias, assassinato 3 anos sai por bom comportamento pronto pra outra.
    Nós fazemos projeções de patrimônio para 20, 30 anos e nem sabemos se nossa casa vai ser saqueada semana que vem ou vamos ser sequestrados porque se você "ostentar" qualquer coisa já era. Também tem o problema da água no estado de SP, RJ e MG acabar no curto prazo e ai? Alguém tá preocupado com isso?
    E as empresas controladas pelo Governo? Petrobrás já foi desmascarada e nenhuma atitude drástica foi tomada de tão grande o rombo tão igual barata tonta, falta olhar Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, dentre outras...

    Já pensei em sair do país mas não tenho coragem de abandonar a família, tive amigos que saíram e até troquei uma ideia com o Estagiário que também saiu, na minha área não tenho chance e se você tem então manda bala, espero que não fique só planejando e consiga mudar de vida para melhor lá fora.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala General!

      Vc tem razão, chegamos num ponto onde todos estamos envolvidos com algum tipo de picaretagem, até pq é impossível sobreviver aqui sendo 100% honesto, a burocracia não deixa!

      Que história triste, cara, eu tb conheço histórias assim, mas prefiro não falar, é supertição mesmo...

      Acredito que não estamos em uma situação estável o suficiente pra fazer projeções financeiras pra daqui décadas, como vc disse, não sabemos nem se teremos água pra tomar banho, quiçá se nossa poupança terá futuro amanhã.

      Olha, desculpe a franquesa, mas me diga uma coisa: quem vai pagar suas contas, vc ou sua família? Quem vai ser feliz por vc, vc ou sua família? Pais morrem, amigos vem e vão e nossa vida continua, acho besteira se privar de ter uma vida melhor por causa dos outros...

      Abração!

      Corey

      Excluir
  16. Um amigo meu ontem vendeu a empresa dele de segurança e vai sair do Brasil em 2 anos. Desistiu do Brasil, me mandou mensagem hoje. Já começou a vender outras coisas aqui e comprar lá. Empresário, 49 anos. Triste um cara sério e batalhador ter que ir embora para ser feliz. Parabéns, PT!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Triste HM, mas isso tá acontecendo todos os dias, hj mesmo tive a notícia de um amigo que está com planos semelhantes, nesse caso vai ser bom pra mim pq vou ajuda-lo no processo... vou falar mais depois.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  17. Sair parar viver bem, com muitos proventos de fiis, e dividendos de ações, acho que vale muito a pena. Viver com uns US$ 10k/mês deve ser fantástico.

    Mas viver como peão depois de ter ralado muito aqui não acho válido, pois serão mais 5 ou 10 anos de ralação pra se receber uma boa grande proventos.

    Além dos EUA, eu pensaria na Europa, Portugal, Ibiza na Espanha, ou Caribe, num condomínio de alto padrão. Somente EUA, EUA parece limitante.


    Acho que juntar US$ 1,5M aqui em fiis e ações já daria para viver em qualquer lugar do mundo. Contanto em receber US$ 10k / mês.

    abs


    Ex Socialista

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Discordo! Não temos garantia alguma que nossos investimentos serão suficientes para bancar uma vida lá fora, são tantas questões envolvidas que fica impossível se planejar em torno disso, claro que no curto prazo isso pode funcionar, mas e no futuro? Só a questão cambial já pode por tudo a perder, veja o caso dos russos.

      Não vejo problema algum "ser peão", essa é mais uma merda da mentalidade brasileira, desvalorizamos certos trabalhos. Ter um trabalho braçal, bem remunerado pode ser ótimo, inclusive pra saúde da pessoa, muito melhor que ficar sentado atrás de um computador o dia todo...

      Isso que vc porpõe é uma aposentadoria de alto luxo no exterior, coisa completamente diferente de viver no exterior.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  18. Olha, num mundo globalizado podemos morar em qualquer lugar, a chave é o dinheiro.


    Para finalizar, em relação ao repórter da Globo, esses caras são uns lixos, péssimos profissionais, de uma empresa que deixa a desejar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é bem assim, o grande problema é a questão migratória X economia do país de destino.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  19. faaz tudo parte do plano mundial de dominação. os EUA são a unica saida. o dia que os EUA cairem, esquece, bata continencia ao grande irmaõ.

    ResponderExcluir
  20. Opa.. estou chegando agora e adorei o blog!
    encontrei procurando por "imigração"
    pelos posts que já li, percebi que compartilhamos os mesmos planos/sonhos.
    agora estarei sempre por aqui, trocando uma ideia :)

    ResponderExcluir
  21. Existem países legais, com boa qualidade de vida além dos EUA. Com a globalização, internet e homebroker, é possível ganhar dinheiro num país e morar em outro.

    Para quem quer empreender, tocar uma empresa ou loja, realmente é necessário se preocupar com a economia do país de moradia, visto que o sustento sairá da mesma terra em que se mora.

    No entanto, no meu caso específico, que só pretendo investir em ações e fiis, qualquer país legal, nos meus critérios, serve. Só é obrigatório te praias bacanas e sol o ano todo...

    Com 3 milhões de reais, um milhão de dólares hoje, seria possível, viver num país do Caribe por 6 meses, em IbIza, depois na Indonésia e por aí vai...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu plano é de aposentadoria, não de vida, aí a realidade é totalmente diferente...

      Excluir
  22. Amigos, boa tarde.
    E vocês têm noção do custo pra se mudar?

    Ex: O corey conseguiu o visto, abrindo filial nos EUA e mantendo a empresa dele aqui. Já sabem como funciona a parte de tributação e como vão se proteger da variação cambial?

    Também penso em mudança, mas como a maior parte do patrimônio está aqui, me questiono como vai ser administrada a parte de pagamento de imposto e, principalmente, da manutenção do poder de compra tendo em vista a variação cambial.

    Alguém pode falar a respeito?

    Abraços!
    Pepe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Pepe!

      Vc levantou uma coisa muito importante. Não vejo uma maneira segura de proteção contra variação cambial, por isso acredito que, uma vez estabilizado num país, deve-se levar seus ativos pra ele e trabalhar dentro da realidade dele. Claro que essa é uma visão simplista e não necessariamente a mais lucrativa, porque no Brasil temos uma das maiores taxas de juros do mundo o que facilita a renda passiva por renda fixa, mas acaba sendo mais prático pra quem não sabe fazer malabarismos cambais.

      Sobre o imposto, paga-se 0,38% de IOF pra enviar dinheiro ao exterior, alguma taxa de transferência (da empresa intermediadora) e só, então isso (ao menos por enquanto) não é problema. Mando todo mês algum dinheiro aos EUA dessa maneira.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  23. Boa tarde Corey;

    Comecei a ler seu blog a mais ou menos um ano, nunca tive a pretensão de sair do país, sempre quis melhorar minha situação financeira, estudei/estudo muito, sempre procuro estar atualizado e encontrei em seu blog e o do Mr. Rover uma grande fonte de informação, conhecimento e experiência. Desde então, vejo o Brasil com outros olhos, nessas eleições eu cheguei a perder as esperanças de que um dia isso aqui irá mudar, não vejo a hora de fugir daqui!

    Att;

    ResponderExcluir
  24. Fala Corey

    Como vc sabe estou no time desse camarada dos caminhões de comida (ele não gosta que chame de food trucks, vai saber pq auhahuauh). Aliás, estamos.


    E quer saber de uma coisa meu caro? Quem perde nessa putaria toda é o Brasil. Pq nós é que estamos fazendo a economia girar pagando impostos de PJ e PF e estamos dando emprego.

    Imagina o rombo que vai dar se mais uns 500 mil empresários na nossa situação decidirem abandonar a barca furada?

    Abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rover, vc está absolutamente certo! A questão é que isso jamais vai acontecer, a gente sabe que tem muito empresário como a gente que embora pague tudo e mais um pouco não tá nem aí, eles tb gostam da bagunça brasileira, do jeitinho, da putaria... Infelizmente somos a minoria da minoria...

      Por outro lado fazemos parte de uma galera qualificada, que está indo pra outro país em busca de produzir riqueza e ter qualidade de vida, mesmo que com menor renda. Junte a nós a leva de profissionais com curso superior que todos os dias deixam o BR rumo a AUS, NZ e Canadá... Brasil finalmente está exportando profissionais de alto nível intelectual, o que fortalece os países estrangeiros, mas enfraquece o nosso.

      grande abraço!

      Corey

      Excluir
    2. Veja só o meu plano A, Canadá. Os impostos deles são mais baixos que os nossos, mas são altos. Lá existem dois income taxes, o federal e o provincial. Os dois juntos, comem em torno de 30 a 35% dos rendimentos (varia de uma provincia pra outra). Mesmo assim, esses impostos eu pagaria com o maior prazer, pq vc sabe que vai voltar pra vc de uma forma ou de outra. Nos EUA é semelhante. A saúde lá, por exemplo, é uma facada, mas vc tem tantos benefícios em outras áreas, que no fim a coisa se equilibra.

      Aqui não. Aqui é estupro atrás de estupro. Quem paga imposto no Brasil é igual puta de beira de estrada, aquelas que dão por R$ 10 reais ou um marmitex. Vem um monte de nego nojento, te enraba e nem fala um boa noite. Isso é pagar impostos no Brasil.

      Mas é o que vc disse, foda-se. Vamos continuar trabalhando quietos e pagando o pato. Uma hora a teta (pelo menos as nossas) vai secar.

      Abs

      Excluir

Os comentários desse blog são moderados, ou seja, passam pelo meu controle antes de serem publicados. Esse é o motivo pelo qual seu comentário não aparecerá logo após você clicar em "Publicar", portanto não precisa postar 2 ou 3 vezes! Posso demorar, mas publicarei e responderei todos os comentários que não contenham trolagens, intrigas, propagandas e baixo nível.