segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Sobre a Dilma, Preconceito e Bola pra Frente

É simples: mais 4 anos de PT! Nossa presidAnta foi reeleita com compras indiretas de voto, campanha forçando a divisão do Brasil, blá blá blá... Todos estamos carecas de saber disso, mas vamos combinar, não adianta ficar de choradeira. Direitistas estão de choradeira assim como esquerdistas costumam fazer.

A realidade é que o Aécio não seria o salvador da pátria, é óbvio (e ele nunca escondeu isso) que os programas sociais continuariam e que ele viraria isso a seu favor para garantir uma possível reeleição. Portanto, meu amigo, mesmo se o azul ganhasse você continuaria sustentando a vagabundagem através das bolsas, a corrupção continuaria e você continuaria a reclamar do Brasil (com todo o direito e razão). Ficou louco Corey? Virou esquerdopata? Não, claro que não! Eu somente tento ser pragmático e racional perante tudo na vida e estou vendo muita gente agindo com todos os sentimentos, menos com a razão. Votei 45, aliás, nem me lembro a última vez que não anulei o voto. Fiz minha parte, não deu certo, mas estou com a consciência tranquila que ao menos tentei trocar o ladrão. Acho que esse é o sentimento que todos os amigos que votaram no 45 deveriam ter em mente.

A vida continua, você vai continuar trabalhando e sendo estuprado pelo governo através dos impostos. Se o Aécio ganhasse isso não ia mudar. Você vai continuar poupando para a independência financeira, a bolsa vai continuar caindo e subindo, o dólar idem. O Aécio também não mudaria isso. Sabe a única coisa que a reeleição do vermelho mudou na minha vida? Vou repensar minha estratégia de IF, começo a achar que vale mais a pena jogar todas as fichas no plano de emigração.

E falando em emigração, vi no Facebook da Bia a quantidade de posts ofensivos e xenofóbicos contra nordestinos e fiquei um tanto assustado. Confesso que concordo com o argumento "separatista", mas ele é totalmente falho, impraticável e utópico, além de ser preconceituoso. Logo no começo do blog eu falei sobre preconceito, continuo achando que não há nada de errado com o preconceito em si, acredito que o preconceito é criado por aquele grupo que sofre o próprio preconceito, mas daí a pessoa levar isso como verdade absoluta já são outros quinhentos...

De onde vem o preconceito contra nordestinos aqui no sul e sudeste? Vem do próprio comportamento do nordestino (atenção, estou no direito de falar porque sou nordestino e convivo diariamente com vários) que no geral é barulhento, tem sotaque forte, não se enquadra no padrão de beleza europeu que nós homens tanto gostamos, etc. Outro problema com nordestinos é que nós temos fama de preguiçoso. Faz sentido, já conheci muito "baiano" que vive encostado nos outros, mas também conheço muitos (muitos mesmo) nordestinos que vieram pra SP e fizeram fortuna, sabe como? Trabalhando! E essa galera normalmente tem pouco estudo e não tem a menor ideia do que quer dizer ação preferencial. Por isso que digo: o trabalho quebra todos os preconceitos, se você é trabalhador, pode ser preto, pobre e feito que será (ou pelo menos deveria) ser respeitado. O nordeste não é só gente ignorante (no sentido literal da palavra: gente sem escolaridade), tem muito "dotô" por lá, mas infelizmente o paulista convive com o nordestino mais sofrido e menos escolarizado. O preconceito é enraizado em fatos e ninguém pode esconder isso. Não estou aqui pra defender o nordeste, tampouco sou daqueles que dizem ter "orgulho da cultura do nordeste", nada disso. Só quero fazer a galera refletir um pouco sobre o assunto. E mando um recado para os patrícios do NE: querem respeito? Não querem ser discriminados? Simples! Ajam, parem de frescura, parem de perseguição e vão pra cima: estudem, trabalhem, larguem esse câncer chamado bolsas assistencialistas.  

Uma das coisas mais nobres e que mais admiro em uma pessoa é a capacidade de ação. O cara deixar seu local de origem e tentar uma vida melhor em outro é por si só, digno do mais profundo respeito. O nordestino ignorante trabalhando na construção civil em São Paulo está na mesma situação que o dentista paulista que trabalha como pintor em Miami. Não importa a distância, ambos saíram da zona de conforto e buscaram uma vida melhor. Tiro meu chapéu para ambos. Quer outro exemplo? Os haitianos que estão invadindo o Brasil, um amigo que trabalha na construção civil empregou alguns haitianos e agora está desesperado em busca de mais. Trabalham duro e não reclamam. Já já vai vir uma galerinha reclamar que estão tomando o emprego do brasileiro (assim como os rednecks fazem nos EUA), mas quantos brasileiros trabalham sem reclamar?

Mudei muito nas últimas semanas, deixei um pouco o pessimismo de lado e abracei o realismo. Por isso sei que com Dilma ou Aécio, vou continuar a ser abusado pelo governo corrupto e incompetente. Sei também que se eu não me mexer e correr atrás da grana, ela não vai cair no meu colo. O Brasil está longe de ser o melhor lugar do mundo pra se empreender e viver, mas é o que tenho de ferramentas no momento, portanto, vou em frente... Liguei o "foda-se" e estou indo em frente, independentemente de partidos políticos, previsões apocalípticas e opiniões alheias.

47 comentários:

  1. Está corretíssimo Corey,
    De que adianta ficar chorando e pedindo para que o Brasil se separe?
    Acho que o pessoal tem que tomar vergonha na cara, lavar o rosto e continuar o que estava fazendo...
    Esta mania de querer colocar a culpa nos outros é algo que detesto... Não tem quem culpar, ou melhor, não tem o porque... Não irá adiantar, ela foi a escolhida pela maioria, com ou sem falcatruas, mas foi. Fim de papo.

    Uta!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ufa! Pensei que era só eu com esse pensamento. Bora agir e tocar a vida! Como tá o clima aí? Uma amiga que mora em Calgary até enfrentou neve esses tempos!

      Abraço!

      Corey

      Excluir
    2. Aqui tá começando a ficar abaixo de zero. Hoje mesmo, de madrugada fez -1ºC, nesta sexta-feira acredito que irá fazer uns -6ºC, não há previsão pra neve, mas o pessoal está falando que é propício que tenha. :)

      Uta!

      Excluir
    3. Mas e aí, a calefação segunda mesmo o frio? Como é andar nas ruas? Já comprou roupas de neve? (vou precisar de dicas qd for pra Toronto)

      Excluir
    4. Todos os lugares possuem climatizador, quando tá muito quente eles esfriam, quando está muito frio eles esquentam... Então é tranquilo.
      Fiz o que a maioria das pessoas falou, comprei uma jaqueta de uns 200 dólares com taxas já, e comprei uma segunda pele, disseram que com isso dá pra aguentar até -30ºC numa boa. :)
      Qualquer coisa, se quiser mais dicas, manda um e-mail que eu comento sobre.
      Uta!

      Excluir
    5. Bom saber, as pessoas que conheço falam o mesmo: uma boa jaqueta e uma segunda pele dão conta. Qd eu for te encherei o saco, pode deixar, rsrs!

      Abração!

      Corey

      Excluir
  2. Corey, eu não vejo a emigração como um ato de nobreza em si, eu a vejo como um ato de sobrevivência.

    Eu vi alguns programas sobre os haitianos aqui no brasil. inclusive a entrevista de um deles para o Mário Sérgio Conti (figuraça..) na globonews. o cara era formado em jornalismo lá no haiti e estava superfeliz da vida pois estava ganhando 1000 reais na construção civil de SP e com isso podia mandar um pouco para a mãe lá no haiti.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entendo seu ponto de vista, mas digo que a emigração é nobre pelo fato do cara largar família, amigos e costumes em busca de uma vida melhor. Isso nunca será uma coisa fácil.

      Esse emu amigo é engenheiro, a empresa que ele trabalha dá abrigo, alimentação e outros benefícios. Os haitianos estão muito felizes por poder trabalhar de maneira digna e ajudar a família. Faço votos que mais venham e tenham muito sucesso (até eu queria empregar alguns).

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  3. Olá Corey,

    O voto para o Aécio não foi para o Aécio e sim um voto contra o PT, o que é bem diferente.
    Concordo com você que tanto a Dilma quanto o Aécio sofreriam problemas como corrupção, continuariam com os vale bolsas da vida e encontrariam muitos problemas econômicos pela frente, mas existe sim uma diferença entre eles que é o Autoritarismo.
    O PT quer controlar a imprensa, não respeita as instituições e se orgulha dos seus corruptos. Isso faz toda a diferença.

    Sobre os nordestinos, eu também não tenho nada contra, inclusive tenho funcionários que são de lá. "O trabalho quebra todos os preconceitos" - perfeito.

    Já sobre o pessimismo....
    Vou continuar trabalhando, suando a camisa para ganhar o meu dinheirinho, mas estou sim pessimista com o nosso futuro vermelho.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala BBB!

      O meu voto tb foi na tentativa de tirar o PT, foi voto útil, embora eu seja um crítico disso. Tb concordo com o autoritarismo e acho que o PT é podre na maneira com que manipula a população. O petista clássico tem orgulho dos figurinhas bandidos do partido e por isso estamos na merda que estamos.

      Não acho que somos pessimistas com o futuro vermelho, somos é realistas. É óbvio que a coisa tende a piorar, por isso cada dia acho que o plano de sair do Brasil é o mais sensato, mas até lá não adianta reclamar, devemos agir e é isso que estou fazendo.

      Abração!

      Corey

      Excluir
  4. Primeiro, sou nordestino, e votei no aécio, e por parece que incrível sou a favor de muitos programas sociais, acho que o bolsa família da 77,00 no primeiro filho e mais 33,00 por cada filho, que esteja matriculado e frenquentando a escola, na verdade foi um programa criado na época do FHC para diminuir a evasão escolar, acho sinceramente muito bom, o chato é a propagando que o PT fazia. É o tipo de coisa que tem q ser feita, mas deviamos ter vergonha de ter que fazer. (não sei se foi compreendido aqui rss)
    Outro ponto, vejo muito gente aqui no face, inclusive PTistas reclamando que o pessoal do sudeste acusa os Nordestinos de elegerem a Dilma, mas FOI MESMO CARALHO!!!.....sério não aguento mais tanto coitadismo e mimimimi....ai tem textos e mais textos falando dos "excepcionais" nordestinos, na maioria cantores, atores, escritores e outros de áreas humanas, cara eu aprecio a maioria destes talentos, mas ACORDEM BIXO LITERATURA NÃO ELEVA IDH DE NENHUM PAÍS!!!! não temos pesquisadores de ponta aqui, engenheiros ou grande médicos, e os que existem tem que ir pra sampa pra dispontar alguma coisa grande que possa ajudar a alavancar o país. Essa é a real eparece que ninguem quer dizer.

    Putz desculpa o desabafo, mas acho que era isso
    Obs: aécio não é e nunca será direita, no máximo um centro-esquerda. O que mais vejo próximo a direita no brasil é bolsonaro, mas mesmo assim de longe.

    Baiano

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Baiano!

      Tb não sou radicalmente contra as bolsas, sou contra a maneira que elas são dadas, sou contra o prazo indeterminado que uma pessoa pode receber e tb contra esse negócio de ganhar X por cada filho (incentivando a parideragem que é um dos grandes males do Brasil), eu seria um cara feliz se o governo usasse 50% da grana da corrupção com bolsas, pelo menos de uma maneira ou outra essa grana voltaria pra sociedade.

      "ACORDEM BIXO LITERATURA NÃO ELEVA IDH DE NENHUM PAÍS!!" - você é dos meus!!! Tb acho muito legal ter bons cantores e escritores, mas sendo pragmático, não é disso que precisamos hoje em dia, tb sou contra cursos superiores públicos nessas áreas. O governo deveria investir no ensino de coisas realmente úteis para o crescimento da sociedade como medicina e engenharias. O coitadismo nordestino é fato, isso ninguém pode negar!

      É bom saber que existem pessoas racionais e pragmáticas, pena que somos minoria....

      Abração!

      Corey

      Excluir
  5. Corey,

    O problema é que o PT tem um projeto de poder e quer implantar o Socialismo na América Latina. Eles nunca esconderam isso de ninguém e a Venezuela está aí para provar.

    A URSS de ontem será a AL de hoje. Nunca achei o Aécio perfeito, contudo, o foco era tirar o PT do poder. Já estamos no processo de venezualização. Agora é questão de tempo.

    Foro de São Paulo mandou lembranças.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá IL!

      Acontece que o povo quer que o socialismo seja implantado! O povão quer cada vez mais controle estatal, quer cada vez mais receber sem produzir, portanto os errados somos nós e é nesse ponto que digo: a única saída é o aeroporto! Não adianta ficar aqui batendo de frente com o socialismo pq o povo brasileiro quer ser socialista. Infelizmente não temos o que fazer a não ser aprender a conviver com isso.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
    2. Corey,

      A situação é bem complicada. A maioria do povo critica o Estado e, ao mesmo tempo, quer MAIS Estado! Como é que pode? Chega a ser surreal, rs.

      Abraços.

      Excluir
    3. povão quer é vida mansa, e o socialismo garante isso...

      Excluir
  6. Corey! Cara preciso de uma grande opinião. De fato quero tocar minha vida mesmo com esse câncer em continuidade no poder, mas o que fica de duvida é, tenho duas opções: continuar investindo na minha empresa na área de publicidade (que não exige minha presença constante para funcionar) ou invisto em minha profissão. Conseguiria investir nas duas? Sim, mas temo em colocar dinheiro na empresa com essa crise que está por vir. Pois pode afetar um mercado que é tido como não essencial e eu perder meu dinheiro investido...

    Na sua opinião de empreendedor, vale à pena continuar investindo na empresa ou foco na minha profissão para tentar me qualificar mais e ter mais "segurança" no emprego?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, não faço ideia de como uma empresa de publicidade funciona, portanto não tenho a menor capacidade de te dar uma opinião. Eu só entendo um pouco de empresas de comércio que com certeza são bem diferentes da sua.

      Em todo o caso eu sempre acho que investir em conhecimento é algo de baixo risco, desde que esse conhecimento seja útil. Não adianta vc fazer um curso imbecil tipo geografia que com certeza não terá retorno financeiro algum com isso.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  7. Olá, Corey.

    Concordo plenamente contigo.
    Durante anos venho morando em vários pontos do país, do "norte ao sul". Com isto vou aprendendo a ver os defeitos e virtudes das pessoas de cada região e sobretudo aprendi a me reconhecer como pessoa brasileira e não de uma determinada área geográfica. Conheço gente que não quer nada com a vida em todos lugares e uma turma trabalhadora espalhada em todo o país, seja do nordeste, sudeste, sul, noroeste, etc. Por ser nômade, digo com propriedade que as diferenças regionais me fizeram uma pessoa melhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá G65!

      Prazer em te receber aqui. Concordo, em todos os lugares tem gente ruim e gente trabalhadora, não da pra generalizar e é muito triste isso que vem acontecendo, as pessoas deveriam parar de culpar os outros e ir pra cima.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  8. Cumpanheiros, se preparem, em 2018 o Lula volta!

    Haha, 24 anos de PT.

    Deus salve o Brasil....

    ResponderExcluir
  9. Um tapa de realidade na cara dos pessimistas e comodistas de plantão.

    ResponderExcluir
  10. Cara.. tem o preconceito e tem a REALIDADE. A realidade é que o nordeste votou em massa na Dilma (alguns estados votaram 78% na Dilma), outro fato é que a maior parte dos recebedores de bolsa são do nordeste (talvez 60 ou 70%). Onde tem preconceito em afirmar isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Justamente o que eu disse, isso não é preconceito, é fato.

      Excluir
    2. Isso cara, puxa vcs não sabem como é bom vim aqui, e ver pessoas que pensam como eu.
      Cara é incrível, acompanho blogs, rádios locais aqui, e a conversa é essa "a mais tão acusando o nordestino de eleger a Dilma, mas não foi o nordeste não, ela teve voto no sul, no sudeste, em minas ela ganhou...." e por ai vai, e geralmente são mídias totalmente de esquerda, ai fica assim, ELES ELEGERAM O PT E AGORA NÃO QUEREM ASSUMIR QUE ELEGERAM....cara eu não consigo entender mais nada, perco o ânimo ate de discutir de forma educada, não da...
      SIM foi do nordeste um grande peso para a reeleição de dilma e ponto!!!e coincidentemente é onde a maior parte da população recebe algum tipo de bolsa....e a ironia maior é que quando muitas pessoas aqui do nordeste quer buscar alguma oportunidade de vida melhor para onde eles vão???pra são paulo que é governada a anos pelo PSDB.
      sério gente sou nordestino mas não to aguentando mais isso aqui não.

      Baiano

      Excluir
    3. Baiano, pouco tempo atrás, antes de viajar para o exterior, eu tinha uma vontade imensa de morar no nordeste devido a todos os atributos que vc sabe bem. Depois de conhecer mais os EUA não consigo entender como cheguei a ter essa ideia. Visitei o nordeste esse ano e tive uma das experiências de viagem mais desagradáveis da minha vida. Infelizmente agora só irei para visitar os parentes.

      Excluir
    4. Corey,

      O que aconteceu no Nordeste?

      Abraços.

      Excluir
    5. http://coreyinvestidor.blogspot.com.br/2014/04/sobre-turismo-interno-brasileiro.html

      Excluir
  11. Excelente texto Corey!!!!

    E achei brilhante o que escreveu respondendo um comentário, "o povo quer o socialismo". E é fato!
    Brasileiro na maioria não tá nem aí para nada, só quer saber de farra, carnaval e futebol.
    Nosso país é moralmente doente... A desinformação é geral. O pior é q não vejo muitas perspectivas de curto prazo, o trabalho é para o longo prazo. De conscientização.
    Como um amigo me disse, o que houve foi como naquele filme do Batman que tem o Coringa, a cena das barcas. O barco dos bandidos explodiu o nosso barco. Os lobos tomaram conta do galinheiro.
    Como você mesmo disse, não que o Aécio fosse o salvador da pátria, mas ao menos era uma leve brisa de ar fresco no lixão.
    Agora, 16 anos no poder de PT, mais nomeações para o judiciário, para aparelhá-lo de vez.

    Fazia tempo que não entrava aqui, parabéns pela aquisição da nova loja! Fico feliz por você!!
    E os textos sobre quebrar a cara, zona de conforto, me fizeram bem... Que eu saia da minha zona de conforto... Só não sei bem como começar...

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fioravante!

      Pois é, vc está 100% certo: o Brasil é moralmente doente! Não tem como melhorar se o povo não quer melhora, infelizmente... Por isso só vejo duas saídas: ou entrar no rítmo da putaria ou sair do Brasil. Estou na primeira opção para conseguir a segunda.

      Fico contente por gostar dos meus textos, é legal saber que sem querer ajudamos alguém.

      Abraço!

      Corey

      Excluir
  12. Dilma não teve menos de 40% de votos em nenhuma região do país.
    E achar que Aécio é diferente que a Dilma é piada.
    Foi péssimo governador. Por que vcs pensam que ele perdeu em Minas? Por que foi bom govenador? kkkk
    É corrupto, nepotista, aintimprensa e noia.
    Realmente seria uma excelente mudança.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo! Infelizmente isso é verdade, algumas pessoas de direita superestimaram o Aécio.

      Excluir
  13. Na minha visão o Brasil precisa de mais uns dois mandatos do PT pra desigualdade seguir diminuindo quando tivermos um GINI perto dos 0,400 podemos entrar com um sistema econômico libertário de estado mínimo.
    Me explico, isso deixará todos mais ou menos com as mesmas possibilidades e quem não se esforçar, for vagabundo ou for burro fica pra atrás simples assim como acontece nos EUA.
    Mas no passado e ainda hoje é o seguinte o cara que nasce numa família de classe media pra cima tem facilmente todas as engrenagens pra ficar rico, ou pelo menos conseguir se manter sozinho no mesmo patamar dos pais, o tal suporte familiar de boas escolas, intercambio, manter sem trabalhar até se formar, contatos.
    O Pobretão e os tal guerreiros da real que tanto criticam os alfas e a playbas parecem não enxergar isso.
    Querendo ou não, não é possível estudar em alto nível tendo que trabalhar, fazer cursos integrais de engenharia ou medicinas ou entrar em faculdades boas cursando cursos lixos de escola publica. Então o estado brasileiro precisa corrigir esse problema histórico. Não é mimimi é HISTORICO MESMO!! A maneira como nosso país foi criado nos torna assim, não temos a homogeneidade de países europeus ou países formados majoritariamente por imigrantes europeus...
    Ah! mas sempre dão o exemplo de uma ou outra exceção de pobre que conseguiu!!!!!! Mas é justamente uma exceção!!! Um cara que é um gênio e por isso conseguiu chegar numa posição mediana, mesmo com adversidades, mas que na condição de um playba poderia provavelmente abrir uma empresa inovadora no vale do silício.
    Eu tiro por mim era um fudido que já com 10 anos de idade ajudava meus pais no negocio de sobrevivência deles de reciclagem... Provavelmente se existisse bolsa família naquela época meus pais me manteriam só estudando porque o dinheiro da bolsa seria maior que eu tiraria catando lata na rua... Bom mais eu estudava de manhã, até porque recebia café da manhã, almoço, uniformes, materiais de uma prefeitura rica da grande São Paulo meus pais me mandavam basicamente pra comer e receber calçado e roupas...
    Sempre fui um bom aluno tinha facilidade extrema em aprender, lá pros 16 anos meus pais estavam melhorsinhos de vida, meu pai de peão em uma fabrica minha mãe faxineira... Eu entrei para os patrulheiros mirins que me arrumaram emprego de office boy numa empresa...
    Com o troco que recebia como gostava de estudar dava todo dinheiro em uma escola particular meia boca que terminei o colegial e num cursinho de inglês boqueta!! Com o tempo fui crescendo na empresa.
    Cara eu até consegui passar em vestibulares de cursos fodas em federais ATÉ NUMA MEDICINA NO INTERIOR!!! Mas meus pais não tinha mínima condição de me manter sem eu trabalhar, naquela época antes de 2000 não existia essas bolsas do governo... Então eu fiz engenharia a noite trabalhando que nem um condenado o dia todo... E fiz engenharia Mauá!! Quem é de Sampa sabe que é boa e difícil. Aprendi inglês sem intercambio sem escola boa, com a base de um curso boqueta de 50 reais e estudando sozinho...
    Hoje estou mais ou menos ganhando meus 6K, mas tenho CERTEZA se não fosse filho de um catador de material reciclável poderia ter ido muito mais longe não é coitadismo não. Por isso votei no PT ao contrario de todo mundo do meu convívio, acho essas bolsas e cotas necessárias, vai beneficiar vagabundos... Vai, mas vai ajudar a gente fudida que nem eu melhorar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entendo seu ponto de vista, faz sentido, mas só digo uma coisa: pra acabar com a pobreza/desigualdade o primeiro passo é o controle de natalidade. Lamento, mas pobre não pode procriar, filhos são as maiores fontes de despesas que uma pessoa pode ter! Filho não é pra quem quer, é pra quem pode!

      Excluir
    2. Redução de natalidade acontece naturalmente dentro uma sociedade educada, na verdade vira até um problema como vemos na Europa. Parece jargãosinho manjado, mas educação é a base de todos os tipos de desenvolvimentos sociais e econômico.
      Para mim apesar de todos os defeitos o PT ataca os dois maiores problemas do Brasil educação e desigualdade, quanto mais a primeira aumentar e a segunda diminuir a população vai solucionando seus problemas sozinhos. Essa explosão direitista que vivemos nessa eleição É JUSTAMENTE culpa do PT por ter elevado milhões a classe média e já começam a pensar de maneira primeiro-mundista digamos. O Brasil não pode perder o foco, o brasileiro precisa entender essa dinâmica que acontece dentro do país para não ser interrompida.
      Eu li no EL PAIS ano passado na época dos protestos um articulo de um pereondista especialista em Brasil que explica bem isso.


      ¿Por qué Brasil y ahora?
      Juan Arias 17 JUN 2013 - 03:26 CET

      Está generando perplejidad, dentro y fuera del país, la crisis creada repentinamente en Brasil por el surgir de las protestas callejeras, primero en las ricas urbes de São Paulo y Río, y ahora extendiéndose a todo el país e incluso a los brasileños en el exterior.
      Por el momento son más las preguntas para entender lo que está aconteciendo que las respuestas a las mismas. Existe solo un cierto consenso en que Brasil, envidiado hasta ahora internacionalmente, vive una especie de esquizofrenia o paradoja que aún debe ser analizada y explicada.
      Empecemos por algunas de las preguntas:
      ¿Por qué surge ahora un movimiento de protesta como los que ya están casi de vuelta en otros países del mundo, cuando durante diez años Brasil vivió como anestesiado por su éxito compartido y aplaudido mundialmente? ¿Brasil está peor hoy que hace diez años? No, está mejor. Por lo menos es más rico, tiene menos pobres y crecen los millonarios. Es más democrático y menos desigual.
      ¿Cómo se explica, entonces, que la presidenta Dilma Rousseff, con un consenso popular de un 75%, -un récord que llegó a superar al del popular Lula da Silva-, pueda ser abucheada repetidamente en la inauguración de la Copa de las Confederaciones, en Brasilia, por casi 80.000 aficionados de clase media que pudieron darse el lujo de pagar hasta 400 dólares por una entrada?
      ¿Por qué salen a la calle a protestar por la subida de precios de los transportes públicos jóvenes que normalmente no usan esos medios porque ya tienen coche, algo impensable hace diez años?
      ¿Por qué protestan estudiantes de familias que hasta hace poco no hubiesen soñado con ver a sus hijos pisar una universidad?

      Excluir
    3. "e já começam a pensar de maneira primeiro-mundista" - ué, vc quer que as pessoas pensem como? Com orgulho de viver no Brasil e não na ìndia?

      Pode traduzir seu texto? Não sei espanhol (mas pode traduzir para inglês).

      Excluir
    4. Não Corey, querem menos estado, toleram menos a corrupção e querem se virar só sem depender de iniciativas de governo, essa mentalidade se atinge quando se chega na classe média, sociedades pobres tendem a pensar de maneira socializantes, sabem que não tem muitas saídas por conta própria por isso esperam por iniciativas do governo. Por isso o PT quase perdeu pela evolução social no Brasil, mas por outro lado essas politicas não podem parar ainda como a classe média PEDE pois dezenas de milhões não fizeram o caminha ainda, quero dizer isso basicamente.
      Esse texto que pus não é meu, mas sim do EL PAIS o maior jornal da Espanha e foi muito comentado no exterior ano passado, joga no Google tradutor, fica entendível a tradução, osso traduzir isso tudo falta tempo parceiro.

      Excluir
    5. Tenho uma história de vida parecida com a sua. Morando em favela aqui no Rio me formei engenheiro. Minha mãe era costureira de fábrica e só trabalhava pra comprar livro até a época do 2 grau.

      Quem não teve ou nunca passou perto dessa realidade nunca vai entender. O povo evolui um pouquinho e já reclamam que ninguem quer trabalhar. Quero ver é botar a mulher no balcão e a mão na massa que nem lá fora. Não estou falando de vc Corey, mas aqui o normal é o cara abrir loja/restaurante, enche a loja de empregados e ficar com uma dondoca em casa. Com a diminuição da desigualdade esse ciclo será quebrado.

      Trabalhar no comercio hj em dia é desumano. Humilhações, falta de horário e salário ridiculo. O que mais se vê em lojas hoje é pedindo pra deixar curriculo pq ninguem fica.

      Excluir
  14. No passado o estado brasileiro trouxe alemães pro sul dando lote de terra, em muitos casos até alguns animais e ferramentas!! Isso garantiu toda a linhagens de descendentes que são vocês vir com base estrutural, o mesmo para os paulistas ''natos'' são todos de origem italiana, espanhola, japonesa chegaram aqui com emprego garantido e terra pra morar... Além de vir de países capitalistas estavam mais aptos em criar negócios que a população aqui que estava saindo do sistema escravagista... Não teríamos todo esse problema se o governo tivesse feito o mesmo com a população aqui já residente (distribuído terras e empregos) criado escolas...
    Todo o assistencialismo PTista esta baseado como contrapartida EDUCAÇÃO, por isso vejo como a maneira moderna de corrigir a herança maldita da colonização de exploração. O tal ensinar a pescar que vocês tanto dizem é bonito na teoria, mas vai lá ensinar transformar um semi-analfabeto (não gênio ou naturalmente inteligente) a ser um profissional qualificado depois dos 35 anos!!!! Tem que investir nos filhos deles!!! Por isso bolsa escola, pronatec, universidade para todos, FIES, ciências sem fronteiras, cotas são necessárias!! Hoje graças as políticas atuais o Brasil já forma mais engenheiros que advogado.
    O Brasil era mais desigual que a África do sul na época do apartheid, hoje nosso GINI caiu de mais de 0,600 pra já abaixo de 0,500. O PT não é comunista tem ideologia keynesiana e busca intervir pra corrigir os problemas estruturais do mercado ou da sociedade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os alemães do sul, os italianos do sudestes trouxeram o desenvolvimento para essas regiões através da sua cultura de trabalho duro e valorização do dinheiro ganho. Eles venceram apesar das enormes dificuldades que enfrentaram na viagem e quando chegaram aqui. Tenho todo o respeito por alguém que coloca a família num navio, viaja 2 meses e se não morrer, chega num país onde não fala o idioma e não faz ideia do que irá encontrar (lembre-se, naquela época não existia google).

      "Tem que investir nos filhos deles!!! " - essas pessoas não deveriam ter filhos para propagar a miséria, é tão ridiculamente simples que não entendo como as pessoas se recusam a entender isso.

      Excluir
    2. Mas como fazer isso??? Ou esterilizam a força ou educam, educar adulto ignorante é quase impossível, esterilizar a força... nazismo, então a solução é educar os filhos deles, nem que seja necessários pagar pra eles manterem seus rebentos na escola (bolsa família).
      Quanto a cultura de trabalho e valorizar dinheiro ganho (acumular capital) lembre-se esses imigrantes vinham de países capitalistas europeus já potencias mundiais, mesmo pobres eles tinham cultura capitalista que o brasileiro não tinha por estar em sociedade escravagista que acabou há tão pouco tempo historicamente há pouco mais de 100 anos.
      Pegaram um país virgem que não produzia nada, sem concorrência de já ricos instalados, pois os aristocratas brasileiros se concentravam em produções de exportação exatamente como no período colonial. O Brasil era uma grande fazenda para Portugal.

      Excluir
  15. Dois meses em total estagnação e um pequeno mundo desmoronado, esse foi o resultado de uma terrível tragédia familiar. Refletindo em como viver os próximos anos da minha vida, recebo um tal de "insight" e tudo acontece repentinamente...hoje, tenho 25 anos, não tenho filhos e estou solteiro. Foi uma decisão fatigante mas acabo de abandonar o curso de ciências farmacêuticas em uma universidade pública, fiz um acordo no trabalho e estou livre para pensar fora da caixa, dessa situação aprendo que a segurança é um sentimento pérfido.

    O Campo de Batalha surge como o diário de um jovem homem brasileiro resiliente, um sonhador de origem humilde com uma enorme apetência de vitória, que como milhões de outros continua lutando pela tão sonhada independência financeira. Há um ano estudando de forma autônoma posso afirmar, conheço de perto todas as dificuldades que rodeiam os iniciantes do universo empreendedor e no mercado financeiro!

    Deixo antecipadamente um pedido de perdão aos especialistas, analistas de mercado e imortais da Academia Brasileira de Letras, o objetivo aqui é dividir o conhecimento acumulado (e aprender) da forma mais simples possível, prometo que com o tempo e a prática irei melhorar.

    Assim começa uma nova história, repleta de objetivos e sem saber quais obstáculos terei que enfrentar nas sinuosidades da caminhada, se você tiver coragem e disposição para enfrentá-los traga uma mochila bem grande, vamos mergulhar juntos em um mar repleto de novas luzes, é uma região selvagem e somente com muita disciplina vamos vencer os desafios... quem sabe assim deixaremos uma trilha menos perigosa para novos exploradores.

    Conto com o seu apoio, envie críticas, elogios, sugestões de conteúdo e revisão textual, o blog é seu!

    LINK: http://campodebatalha1.blogspot.com.br
    LINK: http://campodebatalha1.blogspot.com.br
    LINK: http://campodebatalha1.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Olá Corey

    Concordo com tudo que vc escreveu. O Brasil não iria mudar muito se tivesse eleito o Aecio, porque o Presidente não governa sozinho. E também esse onda de preconceito dos nordestino pode até ser verdade, mas não leva a nada de útil.

    Queria uma opinião sua agora. Vc, o BBB e muitos outros brasileiros estão com planos de mudança para outro país devido a atual situação que nosso país vive. Com a fuga de tantos empreendedores do Brasil, não seria uma boa estratégia permanecer aqui e empreender? Seria como aproveitar uma oportunidade, já que a concorrencia diminuiria. Digo isso porque eu vejo como é fácil empreender em cidades pequenas onde tem poucas, ou apenas uma empresa em determinado ramo. A pessoa consegue vender o produto que quer, pelo preço que quer e com um atendimento bem a desejar.
    Quais são as falhas desse meu raciocínio?

    Abraço, e parabéns pelo post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Brasil é ainda será um bom local pra ganhar dinheiro através do empreendedorismo, isso é fato. Meu motivo principal pra sair do país (e acredito que do BBB tb) não tem absolutamente nada a ver com dinheiro e sim com qualidade de vida, segurança e ficar longe do brasileiro médio, portanto não faz sentido ficar aqui pra ganhar dinheiro se o objetivo não é dinheiro, entende? Não sei se fui claro...

      Excluir
    2. Sim, foi claro sim.
      Na verdade o dinheiro não é o objetivo final de ninguém mesmo. As pessoas buscam o dinheiro para adquirir outras coisas através dele.
      De que adianta ter dinheiro se vc precisa ficar preocupado a todo momento de não ser assaltado ou sequestrado por causa do seu dinheiro? Ou ter que viver numa cultura que não condiz com seu perfil? Acho que foi mais ou menos isso que vc quis dizer.

      Excluir

Os comentários desse blog são moderados, ou seja, passam pelo meu controle antes de serem publicados. Esse é o motivo pelo qual seu comentário não aparecerá logo após você clicar em "Publicar", portanto não precisa postar 2 ou 3 vezes! Posso demorar, mas publicarei e responderei todos os comentários que não contenham trolagens, intrigas, propagandas e baixo nível.