sábado, 18 de fevereiro de 2012

Carnaval e outras perdas de tempo e dinheiro

Antes de mais nada, perdoe-me quem gosta e se diverte com carnaval. Não gosto de criticar ninguém somente exponho meu ponto de vista. Eu odeio épocas de comemoração: carnaval, aniversários, dia das mães, pais, filhos, do urubu ou seja lá o que for. Não suporto fim de ano com as festas mais demagogas e falsas que existem. Todo dia é igual, principalmente se vc não é um felizardo que trabalha 8 horas por dia de segunda à sexta. Se vc é empresário do comércio, trabalha em shoppings ou na área da saúde provavelmente já se deu conta disso.

Nas festas coletivas, ou seja, aquelas que todos comemoram como carnaval e Natal, o que vemos é uma gastança desenfreada de dinheiro, tempo e saúde. Vejam só: imaginem quantas pessoas embarcaram em ônibus lotado, aviões lotados, pagando mais caro por um serviço de transporte de pior qualidade, viajando pra lugares super-lotados onde terão seus bolsos dizimados por comerciantes cobrando 5 conto por um copo de água* e tendo que disputar espaço/água/comida com mais uma multidão de gente que teve a mesma idéia. Por outro lado: imagine essa mesma viagem feita em uma época fora de temporada: o cara gastaria menos, seria melhor atendido, se divertiria mais e com certeza descansaria de verdade. Ou vc acha que ficar 3 horas dentro de um carro pra descer a serra do mar é descansar? Assistir desfiles de escola de samba totalmente iguais é legal? Se for pra ver mulher pelada prefiro um pornô!

Olhando pelo outro lado, na maioria das vezes, fazer uma viagem no carnaval ou outro feriado prolongado qualquer é a única chance que uma família tem de curtir um lazer diferente do churrasco na laje. Ponto pra quem não vive em função do trabalho ou não tem um emprego**. Essas pessoas podem curtir uma viagem gastando menos e se divertindo mais justamente por ter tempo e flexibilidade pra escapar do aglomerado de gente. É por isso que a independência financeira me seduz.

Durante toda a minha vida de trabalhador, venho trabalhando aos finais de semana e feriados, pois o tipo de ocupação que "escolhi" me obriga a isso, então desde muito novo, aprendi a me desapegar desses conceitos. Trabalhar é uma merda, independente se é uma segunda-feira a tarde ou 31 de dezembro às 23:55. Do ponto de vista da economia, feriados são ótimos para quem vive de negócios na praia e outros locais turísticos, porém atrapalha, e muito, o andamento e o fluxo de caixa das empresas "normais". Quando me dei conta que a maioria das pessoas está errada na maioria dos aspectos e que não tenho a menor obrigação de seguir tendências, percebi que tenho muito mais chances de ser feliz.

Enquanto isso, sigo curtindo meu carnaval ao som de Purple, Doors e Floyd!

* Não critico em hipótese alguma os comerciantes "exploradores". Eles estão mais do que certos em explorar uma época de faturamento alto, afinal, quem vive de negócios sazonais deve aproveitar a chance que tem de ganhar dinheiro. Costumo viajar com certa frequência e não reclamo dos preços de taxi, café no aeroporto e da cerveja gelada que o vendedor põe na minha mão sem eu precisar levantar.

** Gostei de um comentário da Lu, em seu blog http://cultodaostraazul.blogspot.com/2012/02/desvantagem-da-independencia-financeira.html#comment-form onde ela diz ser impossível ser independente do trabalho, mas sim do emprego. Concordo totalmente e por mais simples que isso pareça, eu não sabia expressar.


12 comentários:

  1. obrigada pela citação :)

    não gosto de carnaval, pelo mesmo motivo q não gosto de futebol (não me critiquem meninos!), vejo ambos como pão e circo para o povão, assisti Gladiador outro dia com minha baby e vi que a única coisa q evoluiu daquela época é q não assistimos mais mortes (a não ser quem curte UFC q tá quase p um gladiador), mas a finalidade é a mesma, um grande circo de distração p o povão não pensar e achar q está tudo lindo e divertido.

    Aprendi a gostar de natal e ano novo apenas por um motivo, já viu o preço das passagens internacionais e hoteis nessa época? Sem contar q com exceção de NY, tudo fica mais vazio e tranquilo. Adoraria um natal a cada 3 meses!!!

    Qto ao som q tá ouvindo, perfeito :) estou ao som de AC/DC, Triumph e Ten Years After por aqui :)

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi lu, eu tb não gosto de futebol. Nosso país vive de pão e circo mesmo, ninguém se importa com o que realmente vale a pena e fica perdendo tempo, e dinheiro com essas besteiras. Particularmente eu acho ufc bem mais interessante que futebol, rsrsrs!

      Eu gosto de viajar depois de março e antes de dezembro, com exceção de julho.

      Hj estou mais light, vou de Faith no More.

      Bom resto de carnaval pra vc e obrigado pela visita!

      Excluir
  2. Peraí Corey, eu preciso desse pessoal se divertindo no carnaval e gastando muita gasolina e comprando muitas cervejas, afinal, quero ver minhas Ultrapar e Ambev bombando. :P

    No mais, concordo com você que carnaval é uma perda de tempo e de dinheiro, na minha opinião é um atraso para o nosso país.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rsrsrs!!! VD, não fica bravo comigo não, eu dei uma força ontem e sequei umas Brahmas!

      Obrigado pela visita!

      Excluir
  3. Oi corey, me adiciona ai no seu blogroll
    http://camaleaofaminto.blogspot.com

    Já adicionei vc no meu. Valeu!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Corey,
      Me adiciona na sua lista de blogs, plis. Eu ja add vc.

      Excluir
    2. Fala Camaleão, já está adicionado. Aliás, muito interessante seu post sobre GP's; eu acho que o problema não está nas relações "profissionais" e sim nos próprios homens que só querem buscar novas aventuras, aliás, acho que isso dá uma postagem...

      Volte sempre!

      Excluir
  4. Cara, quem passou por essa vida e não foi no carnaval de Salvador, não viveu, na boa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo, aí vai de cada um, né? Eu curti carnaval qd era moleque, tomava 2 pinga c/ mel de 1 real cada e dançava até axé. Agora passou!

      Volte sempre!

      Excluir
  5. E também não gosto de carnaval. Não me sinto bem em muvuca. Gosto de sossego. Estou aqui muito bem em casa curtindo Metallica enquanto jogo PS3. Vou aproveitar esses dias para relaxar e descansar. Esse semana no trabalho foi trash. Na quinta trabalhei de 8:00 22:30 e ontem de 8:00 às 19:00. Eu estava morto de cansaço.
    VD eu pensei justamente nisso hoje cedo. Galera vai se encher de cerveja até a tampa, e em consequência disso, Ambev vai distribuir dividendos gordos depois.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. IM, muvuca não é comigo tb, o máximo que eu gosto é uma balada rock ou flashback de vez em quando, mas ficar no meio do povão suado sem camisa não rola, rsrs!

      Caramba, das 8 às 22:30, tá parecendo eu na antiga empresa.

      Obrigado pela visita!

      Excluir

Os comentários desse blog são moderados, ou seja, passam pelo meu controle antes de serem publicados. Esse é o motivo pelo qual seu comentário não aparecerá logo após você clicar em "Publicar", portanto não precisa postar 2 ou 3 vezes! Posso demorar, mas publicarei e responderei todos os comentários que não contenham trolagens, intrigas, propagandas e baixo nível.